Futebol/Campeonato Carioca - ( - Atualizado )

Situação de Edmilson preocupa para decisão do Campeonato Carioca

Gazeta Press Rio de Janeiro (RJ)

O atacante Edmilson deixou o clássico contra o Flamengo, que terminou empatado por 1 a 1, reclamando de dores no músculo posterior da coxa esquerda. Logo após sentar no banco de reservas ele iniciou um tratamento a base de gelo. Mas será melhor reavaliado nesta terça-feira. O jogador já pode ser considerado uma preocupação para a segunda partida da decisão do Campeonato Carioca, contra esse mesmo Flamengo, no próximo domingo, às 16h(de Brasília), no Maracanã, no Rio de Janeiro.

A ausência de Edmilson poderá causar sérios problemas para o técnico Adilson Batista definir o ataque do Vasco. Isso porque o treinador já sabe que não poderá contar com Everton Costa, que vai cumprir suspensão por ter sido expulso no último domingo.

"Tenho que aguardar a conversa que vamos ter com o departamento médico para me posicionar melhor. Vamos esperar o reencontro com os jogadores, mas desde já estamos torcendo para não ter sido nada de grave", disse Adilson.

Marcelo Sadio/vasco.com.br
Edmílson sentiu dores na coxa durante final contra o Flamengo e é dúvida para jogo de volta

Os próprios jogadores demonstram preocupação com a possível ausência do artilheiro. "Se formos analisar, o Edmilson é um desfalque muito importante caso ele não possa jogar. Tem onze gols e é apenas o artilheiro da competição. Vamos torcer muito para ele estar em campo", disse o volante Pedro Ken.

O elenco do Vasco ganhou folga nesta segunda-feira e na tarde desta terça-feira se reapresenta em São Januário para iniciar a preparação para o duelo contra o Flamengo. Na ocasião Adilson vai conversar com os médicos para saber a situação de Edmilson e começar a pensar no substituto de Everton Costa. A tendência é que para este posto seja escolhido Thalles, talismã do time cruz-maltino.

"A ausência do Everton Costa será muito sentida, pois ele é um jogador de velocidade, que consegue trabalhar bem a bola. Vai fazer muita falta no próximo domingo, mas temos a semana para trabalharmos e pensarmos nas melhores soluções para esse segundo jogo. Vamos procurar agir com calma para fazermos a melhor escolha", analisou Adilson, que revelou ter pensado em tirar Everton Costa de campo poucos minutos antes do jogador vascaíno, que estava muito nervoso, ter sido advertido com o cartão vermelho.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade