Futebol/Campeonato Paulista - ( - Atualizado )

Wendel se frustra vendo decisão pela televisão: "Ficha ainda não caiu"

William Correia São Paulo (SP)

Por lesão na coxa direita, Wendel não pôde participar da derrota para o Ituano, há oito dias, mas ainda sente as consequências do resultado. O lateral direito ainda sente a frustração da eliminação do Palmeiras na semifinal do Campeonato Paulista e conta que ficava se imaginando participando do jogo enquanto Santos e Ituano disputavam a primeira final nesse domingo.

“Tive o mesmo sentimento do torcedor. É um sentimento de frustração e tristeza. Ainda não caiu a ficha de que não estamos na final”, admitiu o lateral direito, relatando que passou o domingo de folga pensando como seria estar na decisão, primeiro objetivo do clube no ano de seu centenário.

“Acordei triste, me lamentando. Ficava olhando o horário e pensando: ‘nessa hora eu estaria almoçando, agora estaríamos fazendo a preleção, o ônibus estaria indo para o estádio, eu estaria conversando com meus companheiros...’”, disse o camisa 13.

De qualquer forma, Wendel acompanhou a partida pela televisão e, apesar da vitória do Ituano por 1 a 0 no Pacaembu, ressalta que ainda considera o Santos um time melhor. “Futebol se resolve dentro de campo e o Ituano tem que ser parabenizado. Fosse um jogo só, seria campeão paulista”, comentou.

“O Ituano mostrou a sua força. É um time bem montado e focado, conta com um grande trabalho do Doriva e do Juninho, com grandes profissionais. Tem o meu respeito. Mas o Santos é bem melhor”, frisou Wendel.

A segunda decisão, o lateral direito, mais uma vez, terá que acompanhar pela televisão, no próximo domingo. O Palmeiras volta a entrar em campo somente em sua estreia no Campeonato Brasileiro, no dia 20, em visita ao Criciúma, em Santa Catarina.

Djalma Vassão/Gazeta Press
Lateral direito não participou da derrota para o Ituano por lesão e ainda não se conformou com a eliminação

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade