Futebol/Copa do Brasil - ( )

Zagueiro pede para Palmeiras “levar muito a sério” o jogo de quarta

Yan Resende, especial para a GE.Net São Paulo (SP)

Eliminado do Campeonato Paulista de forma surpreendente, depois de perder para o Ituano, por 1 a 0, no estádio do Pacaembu, o Palmeiras volta a campo na próxima quarta-feira, desta vez por outra competição. O time de Gilson Kleina encara o Vilhena, pelo segundo jogo da fase inicial, e precisa de ao menos um empate, diante de sua torcida, para garantir a classificação.

Depois de vencer o primeiro jogo por 1 a 0, o Palmeiras não deve encontrar dificuldades para levar vantagem sobre o adversário de Rondônia, até mesmo pela qualidade técnica do time de Vilhena. Sendo assim, a oportunidade parece ideal para a equipe alviverde recuperar a confiança, o que faz o zagueiro Lúcio pedir para os seus companheiros olharem o jogo com muita atenção.

“Acredito que temos que levar muito a sério esse jogo de quarta-feira, pois, depois desse jogo, temos tempo não só para descansar, mas também para treinar bem, poder reestruturar, e começar bem o Campeonato Brasileiro, que é um dos nossos objetivos no ano. Teremos condições e capacidade de estar entre os primeiros”, disse o defensor, que acredita em um bom ano do Palmeiras.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
Experiente, Lúcio pede para o Palmeiras tratar a partida desta contra o Vilhena-RO, na quarta, com seriedade
Para Lúcio, a surpreendente derrota diante do Ituano não pode colocar um ponto final no trabalho que vem sendo desenvolvido pela comissão técnica de Gilson Kleina. O zagueiro acredita que o clube alviverde tem condições de brigar pelos títulos nas duas competições que tem vaga garantida nessa temporada: o Campeonato Brasileiro e a Copa do Brasil.

“É uma eliminação que ninguém esperava pela campanha vinha fazendo no Campeonato Paulista, mas, sem dúvida, a palavra é não desistir. Acredito que isso vá acontecer, pois temos duas competições e temos que aproveitar essas duas chances para mostrar nossa qualidade, a grandeza do Palmeiras, e dar continuidade ao trabalho que começou em Itu”, completou o zagueiro, lembrando o local em que o Verdão realizou sua pré-temporada, mas que também é sede do algoz alviverde no Paulistão.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade