Futebol/Campeonato Paulista - ( )

Zagueiro santista não teme ficar marcado por pênalti perdido na final

Vítor Dalseno, especial para a GE.Net São Paulo (SP)

O zagueiro Neto deixou o vestiário do estádio do Pacaembu com um semblante de tristeza neste domingo, após a derrota do Santos para o Ituano na final do Campeonato Paulista. Apesar da tristeza, o jogador – que desperdiçou a oitava cobrança alvinegra na decisão por pênaltis – disse que não teme ficar marcado pelo lance.

“Ter perdido o pênalti não vai apagar o trabalho que eu fiz. Realizei um excelente campeonato, tive uma sequência de jogos e pude corresponder dentro de campo. Ainda vou conquistar muita coisa grande aqui”, afirmou Neto.

Religioso, o defensor acredita que o erro não abalará sua relação com a torcida. “Queria muito ser campeão. Só Deus sabe o que passei para estar aqui, e sabe o orgulho que tenho de vestir essa camisa. Dou meu sangue dentro de campo”.

Ricardo Saibun/Santos FC
Neto diz ter recebido o apoio de Alison e do experiente Léo, que o parabenizou pelo desempenho no Paulista
O jogador exaltou o desempenho da equipe no segundo jogo da final, mas lamentou as chances perdidas – principalmente no segundo tempo -, que poderiam ter decretado o Santos como campeão.

“Fica uma tristeza porque fomos a melhor equipe do campeonato. O primeiro jogo (da final, em que o Ituano venceu por 1 a 0) foi muito ruim. Fica um gostinho amargo, porque nosso time jogou (a segunda partida) para cima do Ituano”, disse.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade