Futebol - ( - Atualizado )

Alto salário atrapalha tentativa de acerto do Corinthians com zagueiro

Marcos Guedes São Paulo (SP)

Apesar do anúncio feito pelo Al-Jaish, do Catar, do empréstimo de Anderson Martins para o Corinthians, a diretoria do clube do Parque São Jorge ainda precisa acertar salários com o beque. E a negociação está bastante complicada, porque o zagueiro fatura alto.

O beque recebe o equivalente a pouco mais de R$ 500 mil por mês. A título de comparação, é o que ganha Emerson, ainda contratado do clube. E só foi atingido esse número depois que o atacante fez, em 2012, os gols do título da conquista da até então inédita Copa Libertadores.

Os dirigentes corintianos se disseram surpresos com o anúncio do Al-Jaish e o entenderam como uma liberação para o empréstimo. Mas há outros interessados, como o Fluminense, e a agremiação não pretende dar um de seus maiores salários a um atleta de composição do grupo.

Divulgação
Anderson Martins, de 26 anos, assinará com o Corinthians se aceitar uma redução salarial
Empresariado por Carlos Leite, que tem boa relação com o Corinthians, Anderson Martins é visto com bons olhos desde sua satisfatória passagem pelo Vasco, em 2011. A direção negociou a sua contratação na virada para 2013, quando finalmente conseguiu um zagueiro que tentava havia mais tempo, o eficiente Gil.

Agora, ainda não convencida com o titular Cleber e ainda mais preocupada com a fragilidade dos reservas, o clube busca um reforço para a posição. Em um campeonato longo como o Brasileiro, o técnico Mano Menezes não quer ter de escalar Felipe com frequência.

Publicidade

Publicidade


PublicidadePublicidade


Publicidade


Publicidade