Futebol/Mercado - ( )

Apesar da dificuldade, Santos não descarta a chegada de Eduardo Vargas

Do correspondente Tiago Salazar Santos (SP)

Com a clara necessidade de contratar jogadores, tanto para assumir uma vaga entre os titulares quanto para compor elenco, o Santos está no mercado em busca de jogadores para o restante da temporada. A diretoria do alvinegro praiano já está agindo nos bastidores com a intenção e apresentar reforços após a Copa do Mundo.

“Estamos contatando reforços, alguns clubes, vários reforços para essa parada que vamos ter do campeonato, conscientes de que o nosso elenco carece disso. A nossa reunião acabou agora (nesta quinta-feira à tarde) e acompanhamos os contatos que vêm sendo feitos”, admitiu o presidente Odílio Rodrigues.

O chileno Vargas ainda é o nome que encabeça a lista passada pela a comissão técnica. O jogador, que defendeu o Grêmio na última temporada e hoje está atuando pelo Napoli, da Itália, é um desejo de todos no clube.

“Gostaríamos muito do Vargas, mas é difícil pelo que o Napoli quer pelo empréstimo, sabemos que eles pensam em uma valorização via Copa. É uma negociação difícil, estamos vendo outras”, explicou o presidente.

AFP
Emprestado pelo Napoli ao Valencia, o chileno Vargas, que já defendeu o Grêmio, não é descartado pelo Peixe

Sobre Carlos Núñez

Sobre o atacante Carlos Nunez, do Penãrol do Uruguai, e Julio Baptista, hoje reserva do Cruzeiro, Odílio afirmou que as negociações não avançaram e a chance dos dois jogadores reforçarem a equipe é pequena.

“O Nunez é um uruguaio que o empresário há um tempo atrás falou sobre ele, mas hoje não temos nada na relação com ele”, disse, antes de completar sobre Julio Baptista. “Soube que haveria a possibilidade dele ser emprestado, recebemos essa informação.

Publicidade

Publicidade


PublicidadePublicidade


Publicidade


Publicidade