Futebol/Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Bragantino volta a jogar bem, vence Oeste e deixa zona da degola

Bragança Paulista (SP)

Após duas derrotas seguidas, o Bragantino se recuperou na Série B do Campeonato Brasileiro nesta sexta-feira, ao superar o Oeste, em casa, por 3 a 0, com uma atuação muito convincente.

O zagueiro e capitão Yago, em lances de bola parada, aos 34 minutos do primeiro tempo e aos dois minutos da etapa complementar marcou os primeiros gols. Samuel Santos fechou a conta nos acréscimos da segunda etapa.

Com o triunfo, o Bragantino deixou a zona de rebaixamento, chegando a oito pontos. O Oeste, que tem cinco pontos pode terminar a rodada na degola.

Na próxima rodada, O time de Itápolis busca a recuperação diante do ABC, fora de casa. Já o Bragantino tenta embalar diante do Vasco, mais uma vez no Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista.

O jogo - Desde o início da partida, o Bragantino mostrou que estava disposto a se recuperar na Série B. O gol só não saiu nos primeiros minutos por conta do goleiro Paes, que evitava o pior com defesas difíceis.

Depois de, pelo menos, três chances claras, o Bragantino conseguiu furar o paredão apenas aos 34 minutos, quando Yago subiu muito alto em cobrança de escanteio e cabeceou para baixo para inaugurar o marcador.

No segundo tempo, o Braga começou pressionando e Léo Jaime quase marcou de cabeça no primeiro lance de ataque. Logo na sequência, Danilo Bueno cobrou falta na área e Luiz Eduardo cabeceou. Paes defendeu, mas, no rebote, Yago mandou para as redes.

Arte GE.Net
O gol acordou o Oeste, que começou a reagir, aos poucos. A equipe de Itápolis finalizava com perigo algumas vezes, mas não chegou a exercer grande pressão ou dominar a partida.

Aliás, o Bragantino esteve mais perto do 3 a 0. Aos 29 minutos, Luiz Eduardo chegou a balançar as redes adversárias pela terceira vez, mas o árbitro marcou impedimento e anulou o lance.

No fim do jogo, Eric, do time visitante acabou expulso e prejudicou as intenções do seu time de, pelo menos, igualar o placar.

Em contragolpe fulminante no final da partida, Samuel Santos recebeu passe precioso de Magno Cruz e disparou em velocidade, driblou o goleiro e fechou o placar.

Publicidade

Publicidade


PublicidadePublicidade


Publicidade


Publicidade