Futebol/Copa do Brasil - ( - Atualizado )

Brunoro espera reunião com Nobre e não garante permanência de Kleina

São Luis (MA)

No caminho entre os camarotes do estádio Castelão e os vestiários, o principal representante da diretoria do Palmeiras em São Luis não soube garantir a permanência de Gilson Kleina. O diretor executivo José Carlos Brunoro avisa que uma reunião com o presidente Paulo Nobre e o gerente de futebol Omar Feitosa nesta quinta-feira definirá a situação do técnico.

“Provavelmente ele será o técnico no sábado, contra o Goiás. A princípio, vamos analisar o que ocorreu e conversar para falar amanhã (quinta-feira). Passou um ciclo de três jogos e vamos analisar o momento”, disse Brunoro, sincero, sem dar nenhuma pista de que o treinador terá sequência no clube.

“Não mando no Palmeiras. Há um grupo de trabalho. O presidente, o Omar e eu analisamos tudo em grupo e com calma sempre, ninguém decide sozinho. O Gilson sabe disso, já conversamos com ele em outras situações difíceis”, continuou o dirigente, lembrando outros vexames de Kleina além da derrota por 2 a 1 para o Sampaio Corrêa nesta quarta-feira.

“A renovação foi uma situação de contrato, já tiveram outras situações delicadas como o 6 a 2 (vitória do Mirassol na primeira fase do Paulista no ano passado) e analisamos sempre com muita calma, sem se precipitar. Amanhã, com a cabeça fresca, vamos decidir”, insistiu, dando a entender que não será voto favorável à permanência de Kleina.

Depois da virada sofrida no Maranhão pela Copa do Brasil, porém, a estratégia foi escolher palavras até para não criticar a equipe. “Controlamos o jogo até fazer 1 a 0 e depois demos uma vacilada. Somos o time mais experiente e vacilamos. Mas temos que jogar, não tem problema”, disse, citando o jogo de volta, na quarta-feira.

“É muito cedo, acabou o jogo e, nesta hora, precisamos de tranquilidade porque as palavras nem sempre saem como queremos após um resultado ruim. Vamos analisar o jogo com calma e dar força a jogadores e comissão técnica”, prosseguiu, a caminho do encontro com Kleina.

Divulgação
Técnico terá que esperar por reunião nesta quinta para saber se fica (Crédito: Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação)

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade