Futebol - ( )

Corinthians celebra evolução defensiva e sexto jogo seguido sem levar gols

Manaus (AM)

O Corinthians chegou a levar uma bola na trave e tomou outros sustos, mas venceu o Nacional-AM por 3 a 0, na noite de quarta-feira, em Manaus, e avançou à terceira fase da Copa do Brasil. Completar mais uma partida sem ter a meta vazada foi algo bastante valorizado por Mano Menezes.

“Fechamos o sexto jogo sem sofrer gols. A equipe vai entrando nos eixos, mas sabemos que precisamos continuar trabalhando”, afirmou o treinador, criticado em boa parte do Campeonato Paulista justamente pela perda da consistência defensiva que foi a marca alvinegra nos últimos anos, sob comando de Tite.

O último dia em que o Corinthians levou gol foi em 9 de março, na derrota por 3 a 2 para o São Paulo. Mano teve o comportamento bastante questionado na ocasião, especialmente pelo recuo após a abertura do placar, e o resultado acabou sendo decisivo na eliminação precoce do time do Parque São Jorge.

As críticas se voltaram ao ataque na rodada seguinte – o empate por 0 a 0 com o Penapolense que tirou matematicamente a formação alvinegra do Estadual –, mas o fato é que Cássio não teve a rede balançada desde então. Foram quatro vitórias e dois empates que deram confiança ao treinador de que ele está no caminho certo.

Jadson concorda. “Com certeza, somos melhores hoje do que éramos no Paulista. A equipe subiu muito de produção com o trabalho que o Mano está colocando para gente. A partir do momento em que os jogadores entenderam o trabalho e se doaram, tudo melhorou”, disse o meia.

Divulgação/Agência Corinthians
Cleber, além de cumprir seu papel atrás, deixou a sua marca no ataque em Manaus (foto: Rodrigo Coca)

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade