Futebol/Copa do Brasil - ( - Atualizado )

Corinthians retorna do Amazonas com mais de R$ 700 mil de renda

Manaus (AM)

O bom público na Arena da Amazônia rendeu um dinheiro razoável ao Corinthians na segunda fase da Copa do Brasil. De acordo com o Nacional-AM, eliminado em jogo único na última quarta-feira, mais de R$ 700 mil ficaram com a agremiação do Parque São Jorge.

O regulamento da competição prevê o cancelamento da segunda partida em caso de vitória do visitante por ao menos dois gols de vantagem nas duas primeiras etapas. Nesse caso, 60% da renda líquida é destinada à equipe que sobrevive, ficando o restante para o mandante.

A vitória do Corinthians por 3 a 0 foi acompanhada por 35.773 espectadores, o que gerou R$ 1,97 milhão bruto. Do R$ 1,22 milhão líquido, o clube de São Paulo ficou com R$ 731.761,93. O Nacional-AM recebeu R$ 487.841,21, considerado bom por seus dirigentes.

Divulgação/Agência Corinthians
Corintianos fizeram a festa em Manaus e voltaram de lá com boa parte da renda (foto: Rodrigo Coca)
A renda seria toda para a formação manauara se fosse forçada a segunda partida, mas foi clara a superioridade dos comandados de Mano Menezes. O Nacional agora se prepara para decidir o segundo turno do Campeonato Amazonense, contra o Princesa do Solimões.

Classificado à terceira fase da Copa do Brasil, o Corinthians aguarda o vencedor do confronto entre América-MG e Bahia. Antes desse duelo, a equipe espera construir um bom início de campanha no Campeonato Brasileiro.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade