Futebol - ( - Atualizado )

Corintianos partem de volta a São Paulo com atraso e sem assédio

Manaus (AM)

Os jogadores do Corinthians deixaram Manaus com muito mais tranquilidade do que chegaram. A delegação alvinegra partiu para São Paulo na tarde de quinta-feira com um assédio mínimo, cenário bem diferente do observado na calorosa recepção da noite de segunda.

Com o atraso no voo, os atletas ficaram no saguão do aeroporto Eduardo Gomes sem ser incomodados. Houve apenas alguns pedidos de fotos com os comandados de Mano Menezes, que fizeram 3 a 0 no Nacional-AM, na quarta, e avançaram à terceira fase da Copa do Brasil.

A demora para a subida do avião não incomodou tanto porque minimizou a escala em Brasília, inicialmente programada em três horas. De volta a São Paulo, o grupo vai trabalhar em preparação para o confronto com a Chapecoense, no domingo, em Santa Catarina, pela Campeonato Brasileiro.

Justamente pelo desgaste da ida ao Amazonas e por ter nova viagem programada para o final de semana, os jogadores farão apenas um trabalho regenerativo, na sexta, no CT do Parque Ecológico. Mano terá o sábado para definir quem vai entrar em campo na Arena Condá.

O gaúcho não tem problemas no time, embora isso possa mudar com os exames de desgaste físico dos jogadores. Pela programação traçada na semana passada, o meia Renato Augusto estará à disposição após três partidas de ausência por uma inflamação no joelho direito.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade