Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Dirigentes do Barcelona vão a Zurique para discutir punição da Fifa

Barcelona (Espanha)

Apesar de ter obtido um efeito suspensivo sobre a punição que o impedia de contratar jogadores pelo período de um ano, o Barcelona enviou, nesta terça-feira, uma delegação à sede da Fifa, em Zurique, para discutir a punição com o mandatário da instituição máxima do futebol mundial, Joseph Blatter.

Encabeçada pelo presidente do clube, Josep Maria Bartomeu, a comitiva é complementada pelo vice-presidente esportivo, Jordi Mestre, o vice-presidente de mídia e porta-voz, Manel Arroyo, e o diretor de futebol do Barça, Raúl Sanllehí.

Segundo a imprensa espanhola, a intenção dos dirigentes catalães é defender o modelo formador do clube, que foi punido por contratar jogadores estrangeiros com menos de 18 anos entre 2009 e 2013.

AFP
Presidente do Barcelona, Josep Maria Bartomeu chefiará o Real Madrid na reunião com a Fifa
Além de ter sido inicialmente proibido de contratar nas duas próximas janelas de transferência europeias, o Barcelona recebeu uma multa no valor de 410 mil euros (cerca de R$ 1,3 milhão).

O efeito suspensivo conseguido junto ao Tribunal Arbitral do Esporte (TAS) permitirá que o Barcelona contrate o meia croata Halilovic (Dínamo de Zagreb) e o goleiro Ter Stegen (Borussia Mönchengladbach).

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade