Futebol/Copa do Brasil - ( - Atualizado )

Em gramado ruim, Paysandu bate Sport no Mangueirão pela Copa do Brasil

Belém (PA)

Ainda sem perder na Série C do Campeonato Brasileiro, o Paysandu provou que está realmente em um bom momento nesta quinta-feira, quando recebeu o Sport, pelo primeiro jogo da segunda fase da Copa do Brasil. O time paraense encarou os pernambucanos e mostrou que pode bater de frente contra uma equipe da elite nacional. Empurrado por sua torcida no Mangueirão, o clube bicolor venceu por 2 a 1 e saiu em vantagem no marcador.

Acostumado a ver seu time vestir rubro-negro, o torcedor do Sport pôde presenciar mais um uniforme alternativo nesta quinta-feira. A equipe pernambucana entrou em campo de verde, ação que ainda faz parte da campanha para homenagear as seleções que estarão em Recife durante a Copa do Mundo. Depois de vestir a camisa do Japão, o escolhido da vez foi o México.

Com a bola rolando, porém, o futebol do time pernambucano esteve longe de lembrar uma seleção. O primeiro tempo foi movimentado, com chances de gol para os dois lados, mas os erros de ataque não permitiram com que o marcador fosse inaugurado no gramado ruim do Mangueirão.

Na volta do segundo tempo, porém, ciente da necessidade de um bom resultado em casa, o Paysandu voltou com uma postura mais agressiva e balançou as redes apenas cinco minutos depois de retornar do intervalo. Em boa jogada pela direita, Lima recebeu dentro da área, bateu cruzado e viu o camisa 10 Yago Pikachu, sem marcação, completar na segunda trave para o fundo das redes.

Divulgação/Vipcomm
Paysandu e Sport tiveram dificuldaes no gramado pesado do Mangueirão nesta quinta (Crédito: Ney Marcondes)
O gol serviu para acordar o Sport, que imediatamente passou a pressionar o Paysandu em busca de um gol fundamental na briga pela classificação. O time pernambucano, aliás, não precisou ficar muito tempo no ataque, já que chegou à igualdade quatro minutos depois, quando Felipe Azevedo recebeu na entrada da área e tocou com muita categoria ao fundo das redes.

Após o empate, o Sport ainda teve chance de virar a partida, não aproveitou e permitiu com que o Paysandu se recuperasse no confronto. Com o apoio de sua torcida, o time da casa voltou a dominar as ações ofensivas e, depois de perder uma boa chance de marcar, foi buscar o segundo gol aos 28 minutos.

A vitória só foi garantida pelos paraenses quando Marcos Paraná recebeu um belo lançamento no lado direito da área, passou por trás da zaga e saiu na cara do goleiro. Depois de dominar sem dificuldades, o meia esperou a saída do goleiro Saulo, bateu firme e viu a bola passar por baixo do adversário. A festa da torcida bicolor estava garantida no Mangueirão.

Com o resultado desta quinta-feira, o Paysandu precisa ao menos segurar um empate na Ilha do Retiro para avançar na Copa do Brasil. O Sport, por sua vez, mesmo com o revés, não está em situação tão complicada. O time pernambucano garante a classificação com uma vitória por 1 a 0 ou por dois gols de diferença.

O encontro das duas equipes, porém, vai demorar. O duelo da volta será realizado apenas após a Copa do Mundo, no dia 24 de julho, às 19h30 (de Brasília). O vencedor deste confronto encara o Coritiba, que nem precisou da segunda partida para eliminar a Caldense-MG na segunda fase.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade