Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Em má-fase, Damião deverá ser mantido por Oswaldo de Oliveira

Do correspondente Tiago Salazar Santos (SP)

Oswaldo de Oliveira poupou cinco titulares do Santos na partida contra o Princesa do Solimões, na última quinta-feira, na Arena da Amazônia, pela segunda fase da Copa do Brasil, mas não deixou Leandro Damião de fora. A ideia do treinador era clara. Aquele seria um bom momento para o camisa 9 desencantar e amenizar a pressão que vem carregando em função da falta de gols. Não deu certo.

O Peixe venceu por 2 a 1, mas Damião não marcou e teve uma atuação quase despercebida. A pressão em cima do centroavante de R$ 42 milhões e que não marca desde 30 de março continua, mas para Oswaldo de Oliveira, o jogador pode manter a esperança de voltar marcar, pois deve ser mantido no time titular.

“Qualquer jogador pode passar por isso, principalmente artilheiros. Eu me lembro que uma vez o Luizão, no Corinthians, ficou muito tempo sem marcar gol e de uma vez só ele fez quatro. Então, o trabalho segue normalmente”, disse o técnico logo após o duelo em Manaus.

Enquanto isso, Lucas Lima fez sua primeira partida como titular do Peixe e agradou, principalmente na primeira etapa, quando criou jogadas e quase marcou um golaço em belo arremate de fora da área.

Apesar disso, o comandante alvinegro já avisou que não tem pressa para lançar o meia entre os 11 iniciais definitivamente, mas promete continuar analisando o futebol do ex-Sport.

Ricardo Saibun/Santos FC
Leandro Damião não desencantou diante do Princesa do Solimões, mas deverá ser mantido entre os titulares

“Eu estou gostando muito do rendimento dele, a hora que eu achar que ele tem que ser o camisa 10, 11, ele vai jogar, as coisas vão acontecer naturalmente. Se eu julgar que ele tem que jogar, ele vai jogar, senão fica no banco sem problema algum”.

O Santos volta a campo no próximo domingo, às 18h30 (de Brasília), para encarar o Figueirense, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro, no Estádio do Café, em Londrina. 

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade