Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Goiás bate Figueirense fora e entra no G4 do Brasileiro

Florianopolis (SC)

O Goiás visitou o Figueirense na 7ª rodada do Campeonato Brasileiro e não teve dificuldades para vencer o adversário por 1 a 0. O gol do jogo foi marcado pelo zagueiro Jackson, no início do jogo.

A equipe goiana pressionou pouco durante a partida, e os cinco minutos iniciais do jogo foram decisivos para o placar final, uma vez que o Figueirense não conseguiu tocar na bola. No segundo tempo, a entrada de Dudu melhorou a equipe alvinegra, que teve boas chances e até um gol anulado, mas não conseguiu o empate.

Com o resultado, o Esmeraldino vai a 14 pontos e entra no G4 do nacional. Já o Figueirense chega a sexta derrota na competição e segue amargando a zona de rebaixamento. A expectativa era de vitória, uma vez que a equipe voltava a atuar em casa após dois jogos de suspensão.

Na penúltima rodada antes da parada para a Copa do Mundo, o Goiás recebe o Vitória, no Serra Dourada. Já o Figueirense viaja até São Paulo onde enfrenta o Flamengo. A partida será realizada no estádio do Morumbi, já que o Maracanã está entregue à Fifa para o mundial.

O JOGO

O Goiás começou melhor na partida. Com a total posse da bola, abriu o placar logo no início do jogo. Aos 4 minutos, cruzamento de falta na área e Jackson, livre, tocou de cabeça para o gol. Nos minuto seguintes, o esmeraldino segurou o jogo e trocou passes no meio de campo.

O Figueirense não conseguiu armar jogadas tanto pelo meio como em tabelas pela lateral. No fim do primeiro tempo a partida ficou mais movimentada e duas boas chances de gol foram criadas. Do lado esmeraldino, Thiago Mendes cruzou rasteiro para Amaral, que chutou forte, mas Tiago Volpi segurou. Pelo alvinegro, Giovanni Augusto tabelou com Ricardo Bueno, que cruzou para Marco Antônio. O meia do Figueirense bateu forte, mas Edson segurou firme.

O Figueirense voltou melhor na segunda etapa. Com Dudu no lugar de Everaldo, a equipe alvinegra ganhou mais efetividade no âmbito ofensivo. Aos 6 minutos, Dudu recebeu passe, driblou o goleiro e fez o gol, mas a arbitragem assinalou impedimento.

Durante toda a segunda etapa, o Figueirense buscou o gol, mas não criou grandes chances. Quem teve a chance de matar o jogo foi Danilo, atacante do Goiás. O jogador recebeu passe de Tiago Real e, livre, na cara do goleiro, isolou.

No fim, o Figueirense teve duas chances de bola parada para empatar a partida, mas nem Marco Antônio nem Giovanni Augusto tiveram sucesso.

Publicidade

Publicidade


PublicidadePublicidade


Publicidade


Publicidade