Futebol/Copa 2014 - ( - Atualizado )

Itaquera aumenta ansiedade de corintiano David Luiz por estreia

Tossiro Neto São Paulo (SP)

Não houve nenhum jogador do Corinthians na convocação de Luiz Felipe Scolari, mas haverá ao menos um corintiano com a camisa da Seleção Brasileira na Copa: David Luiz, confesso torcedor da equipe alvinegra, que tem a expectativa pela estreia aumentada em virtude de a partida contra a Croácia ter sido marcada para Itaquera, onde o clube paulista acaba de inaugurar seu estádio.

"Sempre fui corintiano, desde pequeno. Tenho essa ligação com o clube. Poder mostrar meu trabalho para essa torcida vai ser gratificante", disse, ansioso, o zagueiro do Chelsea, na manhã desta terça-feira, durante ação de marketing promovida por uma patrocinadora do selecionado nacional, no Parque do Ibirapuera.

Formado profissionalmente pelo Vitória, depois de ter passado parte da juventude treinando no São Paulo (arquirrival do Corinthians), David Luiz revelou seu passado como torcedor em 2012, temporada em que curiosamente enfrentaria o clube de coração e perderia para ele o título do Mundial de Clubes, no Japão. Mas seu envolvimento com o futebol europeu em nada afetou sua ligação com o preto e o branco nem com o verde e o amarelo ou o povo brasileiro.

"É sempre muito especial jogar no Brasil. Construí minha carreira fora daqui, joguei só um ano na terceira divisão, no Vitória, e depois de muito tempo consegui realizar o sonho de estar na Seleção Brasileira, tive a oportunidade na Copa das Confederações de jogar em casa, com apoio do povo, da minha gente. Sempre tive essa vontade de levar (ao estádio) minha família e vários amigos que nunca tiveram assistiram a um jogo meu, apesar de eu já ter nove anos de carreira", comentou.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
Zagueiro do Chelsea foi derrotado na decisão do Mundial de Clubes de 2012 para o clube de coração, no Japão
Faltam 23 dias. Antes de jogar em Itaquera contra a Croácia, em 12 de junho, e começar a caminhada pelo hexacampeonato mundial, o elenco tem alguns dias de preparação na Granja Comary (os treinos começam na próxima segunda-feira) e dois amistosos finais (contra Panamá e Sérvia).

"Poderia ser amanhã já, né?", brincou David Luiz. "Neste momento, a gente não dorme, fica ansioso. Mas faz parte. Temos uma grande oportunidade, somos privilegiados de disputar uma Copa no nosso país, perto do nosso povo, da nossa gente. Não vejo a hora de isso começar". Mas essa ansiedade exagerada não vai atrapalhar, promete o defensor: "Depois que começa o jogo, vem adrenalina, isso já vai embora. Temos mais dois jogos para os últimos ajustes, para entrar com força total".

Além de David Luiz, os meio-campistas Paulinho (Tottenham) e Willian (Chelsea) e o atacante Jô (Atlético-MG) provavelmente serão lembrados com mais carinho pela torcida alvinegra em Itaquera. Os três já defenderam o clube no passado e pisarão no gramado do recém-inaugurado estádio.

Publicidade

Publicidade


PublicidadePublicidade


Publicidade


Publicidade