Futebol/Copa 2014 - ( - Atualizado )

Lucas tenta não desanimar e promete torcer pelo hexacampeonato

Paris (França)

O meia-atacante Lucas tentou disfarçar o seu abatimento nesta quarta-feira, dia em que a sua ausência na Copa do Mundo foi confirmada. Reserva do Paris Saint-Germain na partida contra o Rennes, pelo Campeonato Francês, ele chegou a avisar que torcerá para a Seleção Brasileira conquistar o hexacampeonato em casa.

“Tinha a esperança de estar na lista, mas não posso desanimar. Futebol é assim. Sempre digo que uma das qualidades que tenho é a minha cabeça. Sei que tenho muito tempo pela frente”, conformou-se Lucas, em entrevista ao SporTV, usando a conquista nacional do PSG como consolo. “Conquistei um título aqui hoje.”

Em alta nos tempos de São Paulo, o meia-atacante ganhou diversas oportunidades para se firmar sob o comando de Felipão e também do antecessor, Mano Menezes. Na Copa das Confederações, no entanto, acabou ofuscado pelo concorrente Bernard, hoje no Shakhtar Donetsk, da Ucrânia.

Ainda assim, Lucas assumirá o papel de torcedor durante o Mundial. “Estarei no meu País, torcendo por meus amigos, matando as saudades. Vamos atrás do hexa!”, empolgou-se.

AFP
Lucas parecia abatido no banco de reservas do Paris Saint-Germain (foto: Franck Fife)
O PSG terá dois representantes na Seleção – o zagueiro Thiago Silva e o lateral esquerdo Maxwell. “Fiquei muito contente pela convocação do Maxwell. É um grande amigo meu”, comentou Lucas. Além deles, o time francês conta com os defensores Alex e Marquinhos como brasileiros. O volante Thiago Motta defende a seleção da Itália.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade