Futebol/Campeonato Brasileiro - ( )

Mano espera jogo “completamente diferente” do Timão no Canindé

Marcos Guedes São Paulo (SP)

O técnico Mano Menezes considera a derrota para o Figueirense injusta, mas não é capaz de fingir que foi boa a atuação do Corinthians na primeira partida oficial do estádio de Itaquera, no último domingo. No entanto, pelas diferenças do cenário, do campo à atmosfera, ele espera um jogo muito distinto contra o Atlético-PR, na noite de quarta-feira, no Canindé.

“Vai ser completamente diferente. Primeiro, a condição do gramado será outra. Depois, tem a condição da iluminação, que certamente vai ser muito diferente. Por fim, há o ambiente, que proporcionalmente é muito maior nas arenas construídas para a Copa do Mundo. A presença e a participação do torcedor são diferentes, a gente tem que entender isso e saber aproveitar”, afirmou o treinador.

O público no Canindé não terá curiosos em relação à inauguração do estádio que receberá a abertura da próxima Copa do Mundo. Se não haverá a novidade de uma nova casa, existirá a empolgação do torcedor que tem como princípio empurrar o seu time independentemente do palco.

Divulgação/Agência Corinthians
Mano conta com Renato Augusto e com uma Fiel mais empolgada no Canindé (foto: Daniel Augusto Jr.)
O Corinthians ainda tem a recordação de um bom início de temporada no estádio da Portuguesa, uma vitória por 2 a 1 sobre os donos do local. “Foi por isso que a gente marcou o jogo lá”, sorriu Mano, impossibilitado de voltar ao Pacaembu porque o estádio já está entregue à Fifa para treinos do Mundial.

Palco à parte, o time do Parque São Jorge precisa recuperar os pontos perdidos em São Paulo diante de um adversário que ainda não tinha marcado um gol no Campeonato Brasileiro. “Foi um jogo da competição em casa. Fora qualquer questão especial, deixamos escapar um resultado aqui. Temos que recuperar”, avisou o treinador.

Publicidade

Publicidade


PublicidadePublicidade


Publicidade


Publicidade