Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Muricy alimenta "um pouco de esperança" em ter Luis Fabiano

Tossiro Neto São Paulo (SP)

A ausência de Luis Fabiano nos dois primeiros treinos para o clássico contra o Corinthians ligou o sinal de alerta do técnico Muricy Ramalho, apesar de a versão do São Paulo ser de que o trauma do atacante no cotovelo direito não preocupa o departamento médico.

"Tenho esperança de que ele jogue. Estou falando assim pela experiência, não é nada em definitivo, porque tem que ouvir os médicos, são eles que decidem. Mas tenho um pouco de esperança de que ele jogue", disse o treinador, nesta sexta-feira, segundo dia seguido sem o jogador em campo.

Luis Fabiano reclamou de dores no cotovelo ao longo da partida de quarta-feira contra o CRB. Ainda no Pacaembu, o camisa 9 iniciou tratamento à base de onda de choque no local e, a princípio, não era dúvida para o clássico. Dois dias depois, porém, ele ainda não fez nenhum treino com bola, ao contrário dos demais titulares.

Djalma Vassão/Gazeta Press
Como Pato não pode atuar por questões contratuais, São Paulo corre o risco de jogar com dois atacantes reservas
Por ora, contudo, o único desfalque certo em relação ao último compromisso é Alexandre Pato, impedido contratualmente de enfrentar o Corinthians, clube que detém seus direitos econômicos e o emprestou até o final de 2015 - da mesma forma, o ex-são-paulino Jadson também não poderá ir a campo. Ademilson, em boa fase, é o mais cotado para substituí-lo.

Caso Luis Fabiano não tenha condição de jogo, o técnico Muricy Ramalho não tem nenhum centroavante de ofício no elenco. As outras opções do setor, afora Ademilson e o já titular Osvaldo, são Pabon e Ewandro. Outra solução seria modificar o esquema tático e reforçar o meio-campo, com um segundo armador ao lado de Paulo Henrique Ganso ou até mesmo um terceiro volante.

O jogo de domingo, marcado para 16 horas (de Brasília), será em Barueri porque o Morumbi foi alugado pela diretoria para a realização de dois shows musicais no final de semana. O São Paulo soma cinco pontos em três rodadas do Campeonato Brasileiro e ultrapassará o rival na classificação em caso de vitória.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade