Futebol/Copa 2014 - ( )

No Brasil, alguns convocados usam última semana livre para treinar

Tossiro Neto São Paulo (SP)

Praticamente encerrada a temporada do futebol europeu, os atletas que atuam lá e foram convocados para a Seleção Brasileira poderão desfrutar de alguns dias de descanso antes de se apresentarem na Granja Comary, na segunda-feira. Mas nem todos eles pensam dessa forma. Há quem já tenha programado treinos individuais.

É o caso de David Luiz, zagueiro do Chelsea. "Marquei uma viagem rápida com minha família, mas também já planejei uma programação de trabalho até lá", diz o jogador, que retornou ao Brasil na segunda-feira e participou de uma ação de marketing no dia seguinte, na capital paulista.

Daniel Alves, lateral direito do Barcelona, tem outra opinião. "Você tem que tirar o foco da Copa do Mundo, esperar virar o tempo. É um pouco complicado, porque, no Brasil, só se fala desta competição. Mas a gente precisa chegar com a cabeça mais arejada, mais tranquila. Tem de aproveitar esta semana para pegar todas estas forças com os amigos. Você não pode se desgastar antes da competição. Agora é o momento de respirar, se desconectar", defende, garantindo ucesso na tentativa de escapar do clima de euforia.

"Sou baiano! Baiano tem problema, não. Biano sai do bololô. Estão falando de Copa do Mundo, a gente sabe, está no subconsciente, mas a gente está preparado", brinca.

AFP
David Luiz, zagueiro do Chelsea, rejeita a chance de descanso nesta semana (Crédito: Michel Schincariol/AFP)
Dos 23 nomes da lista principal do técnico Luiz Felipe Scolari, só quatro atuam no futebol brasileiro e ainda estão com suas equipes. São eles os goleiros Jefferson (Botafogo) e Victor (Atlético-MG) e os atacantes Fred (Fluminense) e Jô (Atlético-MG). Entre os demais, o único que não atua na Europa é o goleiro Júlio César, do Toronto. Nesta terça-feira, ele admitiu ansiedade e vai iniciar os treinamentos no dia marcado, ao contrário do que pode ocorrer com Marcelo, do Real Madrid.

O lateral esquerdo vai disputar a decisão da Liga dos Campeões da Europa no sábado, contra o Atlético de Madri, em Lisboa, e foi avisado por Felipão que poderá se juntar ao grupo depois. Os demais brasileiros que atuam no exterior vão chegando aos poucos ao Brasil, inclusive aqueles que integram a lista de sobreaviso. Como, por exemplo, o meia-atacante Lucas, do Paris Saint-Germain.

De acordo com programação da Confederação Brasileira de Futebol, a apresentação do elenco será na manhã de segunda-feira, no Rio de Janeiro. Logo em seguida, os jogadores partem para Teresópolis, onde fazem os primeiros exames médicos e ficam até 1º de junho, antevéspera do penúltimo amistoso preparatório (contra o Panamá, no Serra Dourada, em Goiânia). A estreia na Copa será em 12 de junho, frente à Croácia, em Itaquera.

Publicidade

Publicidade


PublicidadePublicidade


Publicidade


Publicidade