Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Palmeiras evita se criticar e só admite "falhas que custaram caro"

Chapecó (SC)

Desde a demissão de Gilson Kleina, o Palmeiras tinha 100% de aproveitamento em quatro jogos sob o comando de Alberto Valentim e perdeu essa condição após uma atuação bem aquém das últimas diante da Chapecoense. Mas o time evitou se criticar demais ao fim da derrota por 2 a 0 em Santa Catarina.

“Os outros times estão pecando e pecamos hoje (domingo), pagamos um preço caro. Mas estamos no caminho certo. Não teve falha, faltou espaço porque eles ocuparam os nossos espaços e não conseguimos infiltrar”, simplificou Wesley, bastante preocupado em não aumentar as consequências negativas do resultado deste domingo.

“Demos espaços e eles foram felizes, ocuparam espaços e a gente não conseguiu marcar. Campeonato Brasileiro é assim, faz parte. Basta erguer a cabeça e dar continuidade. Estamos no caminho e, nesse caminho, tem percalços que precisamos trabalhar”, prosseguiu o volante.

Os colegas do camisa 11 também preferiram ressaltar o desempenho do adversário, que ocupava a lanterna e não tinha vencido nenhuma partida até encontrar o Verdão, em vez de falar do Palmeiras, que teve uma atuação sofrível no segundo tempo e não apresentou mais do que disposição em campo.

“Foram méritos da Chapecoense. Tivemos uma situação complicada e não saiu o resultado que queríamos”, minimizou o goleiro Fábio, dono de atuação fundamental para que o time não sofresse mais gols, executando defesas complicadas, principalmente, quando a partida estava 0 a 0.

“A equipe deles aproveitou as chances que tiveram e aproveitaram. Não tivemos oportunidade e não fizemos gol”, analisou Bernardo, que entrou no segundo tempo. “É levantar a cabeça porque tem muita coisa pela frente”, projetou Patrick Vieira, outra opção que saiu do banco e não mudou o panorama do jogo.

Divulgação
Verdão diz que Chapecoense não deu espaço para ser atacado (Crédito: Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação)


Publicidade

Publicidade


PublicidadePublicidade


Publicidade


Publicidade