Futebol/Copa do Brasil - ( - Atualizado )

Pingo assume culpa por derrota por 3 a 2 do Avaí em Arapiraca

Florianopolis (SC)

O Avaí foi derrotado no jogo de ida da segunda fase da Copa do Brasil, por 3 a 2, diante do ASA, em Arapiraca. Os três gols da equipe nordestina foram marcados após pressão do ataque alvinegro em cima da linha defensiva do Leão.

O técnico Pingo assumiu a culpa pelo resultado, apesar dos erros coletivos da equipe: “Em relação à saída de bola trabalhada, requer treinamento e nós sofremos com a marcação do ASA que estava bem em cima. Mas é questão de treinamento e temos que passar confiança aos nossos defensores. Tentamos consertar isso no segundo tempo para ter uma saída mais rápida, mas ainda não foi como queríamos”, disse o treinador.

No último gol, entretanto, a falha foi do goleiro Vagner, que errou passe na entrada da área e fez pênalti. Na cobrança, aos 45 minutos da segunda etapa, o ASA converteu o chute e venceu o jogo. Pingo demonstrou confiança ao goleiro.

“Sabemos que o Vagner chegou agora e requer treinamento para entrosar melhor essa saída. Sim queremos sair jogando, mas algumas vezes também é preciso chutar a bola. Mas não há culpados pela derrota, na verdade, o culpado sou eu, que peço isso para os jogadores”, disse.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade