Futebol/ Brasileiro Série A - ( )

Presidente promete reforços para Figueirense reagir na Série A

Florianopolis (SC)

Com uma campanha péssima até aqui, na penúltima posição do Brasileiro da Série A, com apenas quatro pontos ganhos, o Figueirense planeja reforçar o elenco para não sofrer com a zona de rebaixamento neste ano.

Pelo menos é o que o presidente do Alvinegro de Florianópolis, Wilfredo Berllinger, promete fazer durante a parada para a Copa do Mundo: “Estamos muito atentos a tudo. Essa parada evidentemente que vamos qualificar o grupo, temos bastante coisa alinhavada, a Série A é muito longa e difícil. Para o Figueirense conseguir o objetivo dele, a gente precisa dar uma encorpada no grupo”.

Divulgação/Figueirense
O presidente do Figueirense, Wilfredo Berllinger,  prometeu novidades já na próxima semana

O mandatário não deixou de elogiar o grupo atual, mas afirmou que em breve os reforços devem chegar ao Orlando Scarpelli: “Eu volto a dizer, o grupo é bom, mas a gente precisa qualificar e quantificar. Vamos com tranquilidade e sem atropelo, tentando encaminhar reforços. Dentro do planejamento, com o mau começo, a gente antecipou algumas situações e coisas. Devem aparecer novidades e mais atletas já no começo da semana para compor o grupo atual”.

Recentemente, o Figueira contratou dois atletas experientes: o lateral esquerdo Kleber (ex-Santos e Internacional) e o volante França (ex-Palmeiras). É nessa linha que Wilfredo pretende contratar: “Precisamos ter um grupo mais experiente, mais de qualidade e até porque o campeonato é muito longo, vai até dezembro, estamos atentos a isso e vamos lutar de todas as formas, sem atropelos e com inteligência, com muito diálogo”.

O próximo desafio do Figueirense é o Atlético-PR, no Orlando Scarpelli, pela nona rodada da Série A. Mesmo com a vitória, o time de Florianópolis precisaria das derrotas de Chapecoense, Flamengo e Vitória para sair da zona de rebaixamento.

Publicidade

Publicidade


PublicidadePublicidade


Publicidade


Publicidade