Futebol/Copa 2014 - ( - Atualizado )

Recado "amoroso" de Felipão rende piadas de atletas da Seleção

Tossiro Neto São Paulo (SP)

"Pessoal, um abraço, estou esperando por vocês aqui na Granja, com saudades de vocês". A frase, acredite, é do muitas vezes ranzinza Luiz Felipe Scolari e foi transmitida nesta terça-feira, através de vídeo, a quatro jogadores da Seleção Brasileira, durante evento de uma patrocinadora da equipe nacional. Pouco conhecido publicamente, o lado carinhoso do treinador revelado na mensagem arrancou risadas do quarteto.

"Bonitinho", brincou o zagueiro David Luiz, acompanhado do lateral direito Daniel Alves, do volante Paulinho e do meia Oscar. Marcos, goleiro do pentacampeonato mundial (comandado por Felipão, em 2002), também estava presente na ação de marketing, realizada no Parque do Ibirapuera, e não perdeu a chance de fazer gozação sobre aquele que foi seu chefe também no Palmeiras.

"Eu vi o Felipão esses dias. Ele está estalando os dedos", caçoou o ex-jogador, tentando intimidar a geração atual, que, a partir de 12 de junho, tentará conquistar a sexta Copa do Mundo para o Brasil. O primeiro encontro com Felipão, entretanto, será já na próxima segunda-feira, quando se inicia o período de treinamento na Granja Comary, em Teresópolis.

AFP
Goleiro do penta, Marcos também estava presente e não perdeu a gozação (Crédito: Miguel Schincariol/AFP)
Brincadeiras à parte, David Luiz reconheceu a importância do técnico para o sucesso do time, que resgatou a confiança da torcida depois de conquistar a Copa das Confederações, no ano passado.

"Ele sabe implantar essa cobrança, mas de forma saudável. Ele sabe gerir o grupo, sabe brincar, sabe ser amoroso, como foi no vídeo (risos). Acho que é a principal pessoa do grupo. É por isso que temos essa incrível atmosfera, é por isso que é tão prazeroso estar na Seleção", disse o atleta, com opinião endossada por Oscar, seu companheiro de Chelsea.

"O Felipão nos cobra nos treinamentos, mas é para mostrarmos nosso melhor futebol, sempre. Ele tem a hora de cobrar e a hora de dar carinho, de reunir o grupo", falou o meia.

A mensagem "amorosa", de fato, não foi a única transmitida. Durante o vídeo, que contou com depoimentos ainda de familiares e amigos dos quatro jogadores, o técnico tratou de avisar que vai exigir "precisão, performance e dedicação", mas não se esqueceu de enaltecer o potencial de seus 23 convocados. "É um grupo de peso, em que confio plenamente", elogiou.

Publicidade

Publicidade


PublicidadePublicidade


Publicidade


Publicidade