Futebol/Mercado - ( - Atualizado )

Renato deve se apresentar ao Santos após a Copa; Diego ainda é sonho

Do correspondente Tiago Salazar Santos (SP)

O volante Renato deve mesmo acertar com o Santos e voltar ao time onde conquistou dois Campeonatos Brasileiros e se tornou um dos ídolos de uma geração que marcou época na Alvinegro Praiano.

O contrato do jogador - que completa 35 anos no próximo dia 15 - com o Botafogo se encerra em 30 de junho, e isso deve fazer com que ele se transforme em reforço para o time de Oswaldo de Oliveira apenas após a disputa do Mundial no Brasil.

“O Renato tem contrato ainda com o Botafogo, e acho que acaba agora em junho. Até lá a gente tem que esperar para ver o que vai acontece”, disse o técnico nesta quarta-feira, antes de revelar o interesse do próprio jogador em voltar a jogar na Vila Belmiro.

“Ainda não conversei com ele, mas quando eu saí do Botafogo, ele me disse: ‘me leva de volta para a minha casa’”.

Fernando Soutello/AGIF
Renato pode voltar a vestir a camisa do Santos após 10 anos; volante se despediu do Peixe em 2004
Oswaldo já admitiu que pediu o jogador à diretoria do Peixe e pretende utilizá-lo como um atleta para revezar com Arouca, fazendo o segundo homem de meio de campo.

“O Renato está muito bem fisicamente, ele se cuida, é muito profissional. E o Arouca corre muito e acaba se desgastando. Acho que seria importante ter os dois no elenco, o Renato pode fazer esse papel, mas claro, ele não vai conseguir jogar de quarta e domingo”, explicou o treinador, que trabalhou com Renato no Botafogo.

Sobre a possibilidade do meia Diego, ex-companheiro de Renato no Peixe, também voltar a vestir a 10 do Santos, Oswaldo não negou o interesse no jogador, mas admitiu a dificuldade de o negócio se concretizar.

“O Diego tem muito a ver com o resultado da Champions (Liga dos Campeões da Europa). É um jogador cobiçado e deve ter propostas superiores à nossa. Do contrário, cresce a nossa chance”, esclareceu Oswaldo, lembrando que o Atlético de Madri, time no qual Diego está atuando por empréstimo, vai jogar a final do principal torneio europeu contra o Real Madrid. O meio-campista ainda tem contrato com o Wolfsburg, da Alemanha, até 30 de junho.

AFP
Outro campeão brasileiro de 2002, Diego também deixou o Santos rumo à Europa no ano de 2004

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade