Futebol/Copa do Brasil - ( - Atualizado )

Satisfeito com virada, Adílson deve dar chance aos garotos do Vasco

Gazeta Press Campina Grande (PB)

Lançados no intervalo quando o Vasco perdia por 1 a 0, os atacantes Yago e Marquinhos, de 20 anos, fizeram o Vasco subir de produção e derrotar o Treze, no jogo disputado nesta quarta-feira,em Campina Grande, pela Copa do Brasil. O técnico Adilson Batista confessou estar satisfeito com o desempenho dos jovens jogadores e lembrou que o artilheiro Thales tem apenas 18 anos, mesma idade do volante Danilo, outro jogador elogiado pelo técnico.

Adilson disse que vai estudar as alternativas para escalar a equipe que vai tentar a primeira vitória no Brasileiro da série B, sábado, diante do Atlético Goiano. Ele ainda não sabe se terá condições de aproveitar os reforços contratados nos últimos dias, mas ressaltou que a exibição dos garotos, diante do Treze, lhe deu a certeza de que terá boas alternativas para armar o time.

A opinião do treinador é reforçada pelo experiente meia Douglas. Na saída de campo, o experiente meia deu entrevistas e aproveitou para elogiar a atuação dos jovens jogadores que entraram em campo, sob pressão, e souberam dar conta do recado.

"A gente precisava de uma vitória assim, depois de tanto resultado ruim. E os garotos contribuíram, de forma decisiva. Apesar da idade, eles mostraram personalidade. Acho que o Vasco vai ter muito a ganhar com eles", explicou o armador.

Quando a delegação voltar ao Rio de Janeiro, Adilson vai receber um relatório do departamento médico sobre a situação dos jogadores lesionados. Guiñazu, Pedro Ken e Edmilson estão no departamento médico e o treinador gostaria de contar, com pelo menos um deles, na partida contra os goianos.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade