Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Se estamos na Série A, é porque na B deu certo, diz técnico da Chape

Chapecó (SC)

Questionado pela fraca campanha da Chapecoense no Campeonato Catarinense e nas primeiras rodadas do Brasileiro, o técnico Gilmar Dal Pozzo mantém a confiança em seu trabalho, mas não fecha os olhos para novas ideias. Empenhado em melhorar a condição da equipe, o treinador garante estar disposto a alterar o padrão tático do time se for necessário.

“Não tenho ideia fechada no futebol, tenho um estilo de trabalhar, uma maneira. Se a Chapecoense está na primeira divisão é porque jogou com consistência defensiva e boa chegada na frente. Se tiver que mudar o padrão de jogo, tenho toda a semana para isso, não sou fechado à ideia. Mas se estamos na série A, é porque na Série B deu certo”, disse Dal Pozzo.

Para sair da zona de rebaixamento, a Chape precisa derrotar o Grêmio no próximo domingo, às 16 horas (de Brasília), na Arena Condá, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro.

“Vamos fazer jogo a jogo. Técnico não faz projeção. Por mais que seja o técnico há mais tempo, meu estilo é fazer jogo a jogo. Tenho que pensar no Grêmio”, afirmou o treinador da Chapecoense.

Divulgação
Responsável por conduzir a Chape pela primeira vez à Série A, Gilmar Dal Pozzo está ameaçado no cargo (Foto: Divulgação Chapecoense)

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade