Futebol/Campeonato Brasileiro - ( )

Sem reforços, Oswaldo pode promover entrada de Lucas Lima

Do correspondente Tiago Salazar Santos (SP)

A situação do Santos no Campeonato Brasileiro e a queda de rendimento do futebol jogado pela equipe começa a repercutir dentro do clube. Após o terceiro empate seguido, o segundo 0 a 0 e apenas um gol marcado em três jogos, o técnico Oswaldo de Oliveira mudou o discurso.

Leandro Damião, em má fase e muito criticado pela torcida, tem recebido o respaldo do treinador, mas pode perder vaga no time. Já Lucas Lima deve ter chance entre os titulares para mostrar serviço. Oswaldo tenta acertar o time com o que tem, já que seus pedidos de reforços não deverão ser atendidos pela diretoria santista.

“A situação mais viável para as equipes é usar os próprios recursos, as divisões de base, mas às vezes ocorre um espaço porque o jogador que vem da base precisa ser trabalhado, precisa ter adaptação, uns conseguem mais rápido do que os outros, é algo que não temos uma previsão exata, jogamos com erros, acertos e possibilidades”, explicou.

Outro fato que desanima o técnico na expectativa de fortalecer o time para buscar os títulos da Copa do Brasil e do Campeonato Brasileiro é a saúde financeira do clube.

Além dos problemas com os pagamentos de Leandro Damião e Lucas Lima, a diretoria tem encontrado dificuldades no mercado já que ainda sente falta de um patrocinador forte. Vale lembrar que o Santos segue atrás de um parceiro para estampar sua marca na parte nobre da camisa.

Ivan Storti/Santos FC
Antes defendido por Oswaldo de Oliveira, Leandro Damião pode perder a vaga na equipe titular

“É uma coisa que precisamos saber conviver, certo? Da nossa parte aqui (técnica), sempre procuro me desligar do envolvimento financeiro, faz parte, é importante, mas temos que lutar com as armas que temos e vou procurar fazer da melhor maneira, independentemente do que esteja na bolsa de valores e no circuito cambial”, disse, conformado, Oswaldo de Oliveira.

O Santos se reapresenta nesta segunda-feira à tarde, no CT Rei Pelé. Os jogadores devem fazer um treino regenerativo e só nesta terça-feira começar os preparativos para encarar o Princesa dos Solimões, na Arena Amazônia, pela segunda fase da Copa do Brasil, nesta quinta-feira.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade