Futebol/Copa do Brasil - ( - Atualizado )

Sem treino, Verdão se baseia em vídeos de Kleina para vencer de novo

São Luis (MA)

As chuvas em São Luis encharcaram o gramado do CT do Moto Club e impediram o Palmeiras de fazer qualquer treino técnico para melhor após a derrota por 4 a 2 para o Flamengo, no domingo. A estratégia de Gilson Kleina, então, passou a ser mostrar vídeos do Sampaio Corrêa, adversário desta quarta-feira no Maranhão.

“O Gilson já passou alguns vídeos e vimos como o time deles gosta de jogar. Temos que estar preparados para esta partida porque será muito difícil”, disse Marcelo Oliveira, que deu entrevista no centro de treinamento procurando se conformar com o cancelamento da atividade em campo marcada para esta terça-feira.

“É a primeira vez que acontece isso na minha carreira. Infelizmente, choveu muito aqui, vimos no caminho para cá o rio transbordando e o campo ficou bastante prejudicado, atrapalhou o nosso treino. Fazer um trabalho no hotel para movimentar o corpo é importante em véspera de jogo”, falou o volante.

Os jogadores fizeram exercícios similares ao de aquecimento, com corridas e movimentações em um pequeno campo no hotel que abriga a delegação. No estádio Castelão, sem os titulares Fernando Prass, Valdivia e Bruno César, o time terá que mostrar evolução apenas na base da observação.

Marcelo Oliveira sabe que basta vencer por mais de um gol de diferença para se classificar sem a necessidade do jogo de volta, mas respeita o rival, que somou quatro pontos em três rodadas na Série B do Campeonato Brasileiro.

“Se tivermos oportunidades, temos que fazer os gols, mas com muita cautela e cuidado porque o time do Sampaio Corrêa é muito bom também”, elogiou o volante, que, mais uma vez, deve ser escalado na zaga. A certeza, contudo, não veio em campo porque na segunda-feira, ainda em São Paulo, os titulares fizeram apenas trabalhos regenerativos.

O clube joga com Gilson Kleina sob sério risco de demissão. O Palmeiras perdeu seus dois últimos jogos e jogou mal mesmo nas duas vitórias anteriores, diante de Vilhena e Criciúma. O time ainda parece sofrer as consequências da eliminação na semifinal do Campeonato Paulista após ser derrotado pelo Ituano, em 30 de março.

Djalma Vassão/Gazeta Press
Coube a Marcelo Oliveira dar entrevista coletiva mesmo com o cancelamento do treino no CT do Moto Club

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade