Futebol Internacional/Copa do Mundo - ( - Atualizado )

Suíça anuncia lista definitiva dos 23 que disputarão o Mundial

Zurique (Suíça)

Com poucas surpresas e base da última Copa do Mundo, o técnico Ottmar Hitzfeld, que também comandou a equipe na África do Sul, anunciou nesta terça-feira a lista dos 23 convocados e sete suplentes para a disputa do Mundial no Brasil, em junho.

Ao todo, 11 jogadores que estiveram na Copa de 2010 ficaram de fora da lista dos 30 nomes divulgados por Hitzfeld. O principal deles é o atacante Alexander Frei, que se aposentou em 2013, aos 33 anos, e foi a principal estrela da equipe nos Mundiais de 2006 e 2010.

O posto de “estrela” suíça agora pertence a Xherdan Shaqiri, meia de 22 anos do Bayern de Munique e grande referência da seleção atual. Apesar de jovem, o jogador, nascido na antiga Iugoslávia, ajudou o time bávaro a conquistar inúmeros títulos, entre eles a Liga dos Campeões de 2013.

A base da seleção também é formada por atletas que atuam fora do país. Dos 30 jogadores, 22 defendem equipes estrangeiras, todas da Europa.

AFP
Ottmar Hitzfeld anunciou nesta terça-feira a lista dos 30 nomes da Suíça para a Copa do Mundo

Confira abaixo os 30 nomes divulgados pela Suíça para a disputa da Copa do Mundo:

Goleiros: Diego Benaglio (Wolfsburg), Roman Bürki (Grasshopper) e Yann Sommer (Basel)

Defensores: Steve von Bergen (Young Boys), Johannes Djourou (Hamburgo), Michael Lang (Grasshopper), Stephan Lichsteiner (Juventus), Ricardo Rodriguez (Wolfsburg), Fabian Schär (Basel), Philippe Senderos (Valencia) e Reto Ziegler (Sassuolo)

Meio-campistas: Tranquillo Barnetta (Eintracht Frankfurt), Valon Behrami (Napoli), Blerim Dzemaili (Napoli), Gelson Fernandes (Freiburg), Gökhan Inler (Napoli), Xherdan Shaqiri (Bayern) e Valentin Stocker (Basel)

Atacantes: Josip Drmic (Nuremberg), Mario Gavranovic (Zurich), Admir Mehmedi (Freiburg), Haris Seferovic (Real Sociedad) e Granit Xhaqa (Borussia Monchengladbach)

Suplentes: Marwin Hitz (Augsburg), Timm Klose (Wolfsburg), Silvan Widmer (Udinese), Eren Derdiyok (Bayer Leverkusen), Fabian Frei (Basel), Pajtim Kasami (Fulham) e Pirmin Schwegler (Eintracht Frankfurt)

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade