Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Técnico da Chapecoense lamenta derrota decidida em "uma bola"

Chapecó (SC)

O técnico da Chapecoense, Gilmar Dal Pozzo, mencionou uma previsão do treinador do Corinthians, Mano Menezes, ao comentar o confronto da noite de domingo, com vitória alvinegra por 1 a 0. Como imaginado pelo rival, o jogo foi equilibrado e decidido no detalhe.

“O Corinthians não teve esse domínio todo. O próprio Mano falava que seria um jogo de uma bola, e, de fato, foi uma bola aproveitada pelo Corinthians que decidiu. A gente teve duas situações e não teve a capacidade na definição. Faltou precisão na hora da finalização”, afirmou.

O problema é que, em três partidas equilibradas até aqui, a equipe catarinense só conquistou um ponto, no empate sem gols com o Coritiba em casa. Na visita que fez ao Sport, na segunda rodada do Campeonato Brasileiro, os anfitriões levaram a melhor por 2 a 1.

Divulgação/Agência Corinthians
A Chapecoense fez mais um jogo equilibrado e ficou mais uma vez sem vencer (foto: Daniel Augusto Jr.)
“É continuar trabalhando e ter um pouco mais de capricho na hora de finalizar. Não tivemos grandes oportunidades nessas três partidas, mas também não proporcionamos para os adversários. Então, é preciso ter uma preocupação maior com o acabamento”, pediu.

Apesar da pontuação fraca até aqui, Dal Pozzo prometeu dar uma sequência à equipe para que ela ganhe entrosamento. A próxima oportunidade de conquistar a primeira vitória no Nacional será no domingo, contra o Grêmio, em Porto Alegre.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade