Futebol/Campeonato Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Vasco vê jogo contra a Portuguesa como estratégico

Gazeta Press Rio de Janeiro (RJ)

Após três empates consecutivos na Série B do Campeonato Brasileiro, sendo o mais recente por 1 a 1 com o Bragantino, o Vasco vive uma situação desconfortável na competição. Em décimo lugar com apenas dez pontos conquistados, o time tem cinco a menos que o Luverdense, que hoje fecha a zona de classificação para a elite do futebol nacional.

Sendo assim, na Colina histórica todos tratam como estratégico o confronto programado para este sábado, diante da Portuguesa, às 16h20(de Brasília), no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ), pela nona rodada. Isso porque, em caso de novo tropeço, acabam as chances de terminar a primeira parte da disputa, antes da paralisação para a Copa do Mundo, no G-4.

“Essa partida contra a Portuguesa é fundamental dentro do nosso planejamento. Vamos jogar com o mando de campo e mesmo sem ser em São Januário a responsabilidade é toda nossa. Um tropeço teria consequências muito ruins dentro do nosso objetivo de nos aproximarmos da zona de classificação para a Série A. Hoje cinco pontos nos separam da área de acesso e temos que reduzir essa diferença”, analisou o volante Pedro Ken.

Marcelo Sadio/vasco.com.br
O volante do Vasco, Pedro Ken, considera a vitória sobre a Portuguesa essencial

O atacante Edmilson concorda com a opinião do companheiro. “Faltam dois jogos por fazermos antes de a Série B ser paralisada e nosso objetivo é melhorar muito esta nossa posição na tabela. O ideal é entrarmos na zona de classificação para a Primeira Divisão, mesmo sabendo que temos um jogo a menos que a maioria dos nossos concorrentes. Todos aqui sabem da sua responsabilidade e de como é importante o resultado contra a Portuguesa”, disse o artilheiro.

Na visão do experiente volante Fabrício, a posição que o Vasco se encontra na tabela é algo que vem incomodando bastante os jogadores, que têm dialogado sobre o assunto. “Respeitamos a Portuguesa, que assim como o Vasco caiu esse ano e luta para retornar o mais rapidamente possível. Mas temos um planejamento que passa necessariamente pela conquista de uma vitória neste sábado. Sendo assim, a conquista dos três pontos é o único resultado interessante para a nossa equipe e vamos batalhar por isso. A nossa posição na tabela incomoda “.

O elenco do Vasco participa de um treino na manhã desta sexta-feira, no campo do CFZ, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, uma vez que São Januário já foi cedido à Fifa para disputa de treinos de seleções que participam da Copa do Mundo. Logo após a atividade, a delegação segue para Volta Redonda. Após o jogo contra a Lusa, o Vasco ainda fará mais uma partida pela Série B antes da paralisação para a Copa do Mundo. Na terça-feira, o Cruz-Maltino visita o Boa Esporte em Varginha (MG).

Fora de campo, foi confirmada para o dia 6 de agosto a eleição presidencial do clube. O principal favorito é o ex-presidente Eurico Miranda. Também confirmaram presença como candidatos Roberto Monteiro, Nelson Rocha e Tadeu Correia. Outros nomes ainda podem aparecer, sendo o mais forte deles o de Fernando Horta, presidente da Escola de Samba Unidos da Tijuca. O atual presidente Roberto Dinamite informou que não vai tentar um novo mandato. O fato, inclusive, tem sido tratado com ironia pelos torcedores em redes sociais. Um grupo deles organizou uma festa de despedida para o atual mandatário na data da eleição. O fato não foi comentado por Dinamite e nem pela sua diretoria.

Publicidade

Publicidade


PublicidadePublicidade


Publicidade


Publicidade