Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Wendel não treina e Alberto ainda espera contar com William Matheus

William Correia São Paulo (SP)

Já sem Fernando Prass e Bruno César, machucados, e Valdivia, que treina com a seleção chilena para a Copa do Mundo, Alberto Valentim não coloca William Matheus como desfalque ainda. Apesar da torção no tornozelo direito do lateral esquerdo, o jogador segue nos planos do técnico para enfrentar o Vitória no domingo.

“Não sabemos ainda sobre o William Matheus, vamos fazer tratamento intensivo até a hora da viagem para ver se conseguimos recuperar esse jogador”, disse o treinador interino, que promete esperar até depois da atividade com portões fechados na manhã deste sábado para decidir se relaciona o camisa 16 para a viagem.

Se não jogar, Juninho retoma a vaga, e sob pressão. “Precisamos muito do Juninho. O William estava bem e, se o Juninho entrar bem, vamos discutir quem joga. Time grande é assim. Quem jogar tem que fazer o que o William fez. Elenco forte é quando um sai e outro entra jogando igual ou melhor”, avisou o comandante.

Do outro lado, Wendel não participou da atividade técnica em campo reduzido da tarde desta sexta-feira, mas não deve ser desfalque. O lateral direito realizou somente reforço muscular e Alberto Valentim tem certeza de que não perderá o jogador por conta de problemas físicos.

“O Wendel se cuida muito, é muito profissional, atento para a melhor maneira de se recuperar, tem um cuidado muito grande com a alimentação, não tem uma vida noturna de quem não é atleta. A parte física dele não preocupa, tem uma condição física extraordinária. Vai manter esse ritmo mesmo com partidas a cada três dias”, falou.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Antes titular absoluto, Juninho terá que jogar muito bem para convencer Alberto a deixar William Matheus na reserva
O único novo desfalque que o técnico considera certo é Leandro, que saiu vaiado da vitória sobre o Sampaio Corrêa, na quarta-feira, e já se apresentou à Seleção Brasileira sub-21 para jogar o Torneio de Toulon, na França. Não voltará para jogar no Palmeiras antes da Copa do Mundo.

Na quarta-feira, Marquinhos Gabriel entrou no lugar do atacante e foi decisivo, mas ainda não está garantido. “A saída do Leandro é a única mudança certa e ainda não decidi quem entra. O Marquinhos Gabriel vem jogando, mas ainda não está decidido. Tenho algumas ideias”, desconversou Alberto.

Uma provável opção na frente será Bernardo. O meia, emprestado pelo Vasco, já tem sua documentação regularizada e pode ir, ao menos, no banco de reservas. “O Bernardo tem treinado bem e forte, está agradando muito, é um jogador diferente, de qualidade. Vou conversar com ele para definir se estará entre os convocados”, afirmou Alberto.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade