Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Zagueiro Marquinhos pede marcação pesada e dedicação ao Figueirense

Florianopolis (SC)

O momento do Figueirense é crítico. Além de estar na lanterna do Campeonato Brasileiro, a equipe tem a segunda pior defesa e o pior ataque da competição, com dez gols sofridos e apenas um marcado. Para garantir a permanência na elite, o clube precisa correr para se recuperar. O zagueiro Marquinhos falou sobre as mudanças necessárias para reverter a situação e pediu atenção do elenco.

“Todos têm que ajudar sem a bola. No último jogo isso ficou comprovado. O Goiás conseguiu um gol aos dez minutos e depois disso você via o atacante deles acompanhando o nosso lateral. Temos que nos dedicar um pouco mais, às vezes não vamos conseguir os gols, mas teremos uma ou duas chances que podem mudar a história do jogo”, declarou o atleta.

O zagueiro reconhece os números ruins e afirma que deve haver mais cobrança. “Eu expus o que achava que tinha que melhorar. O Giovanni e o Bueno também. Desse jeito vamos sair desta situação. Só nós jogadores podemos tirar o Figueirense desta situação.”

Divulgação
Para superar má fase, Zagueiro Marquinhos pede mais dedicação do elenco

O técnico Guto Ferreira concordou com as declarações de Marquinhos, ressaltando a rivalidade envolvida nos duelos da Série A. “A competitividade vai lá em cima, todo mundo quer ter a bola, quer ter o comando do jogo. Então a briga fica mais intensa. Você sai de um estadual, de um ritmo mais lento, e vai disputar um campeonato que se você piscar o cara já tomou a bola. A gente melhorando, não deixando os caras pensarem, vamos ter mais a bola e assim teremos condições de trabalhar. Só conseguiremos colocar a bola no gol do adversário se a gente tiver a bola. E impedir que eles trabalhem”, disse o treinador. 

O próximo confronto do Figueirense é contra o Flamengo, e a equipe catarinense precisa dar o máximo para vencer sem os atacantes Dudu e Éverton Santos, lesionados. A equipe realizou o último treino na manhã desta quarta. Os jogadores realizaram um aquecimento intenso sob o comando dos preparadores físicos Marcos Seixas e Betinho Cabral, além de treino em campo reduzido e trabalho de finalização com cobranças de falta e de pênalti.

A partida entre Figueirense e Flamengo será na quinta, às 19h30, no Estádio do Morumbi, em São Paulo, em partida válida pela oitava rodada do Brasileirão.

Publicidade

Publicidade


PublicidadePublicidade


Publicidade


Publicidade