Futebol Internacional/Copa 2014 - ( - Atualizado )

15 mil curitibanos prestigiam a Seleção Brasileira na Fan Fest

Do correspondente Luiz Felipe Fagundes Curitiba (PR)

Depois de uma semana de frio e tempo fechado em Curitiba, sol e calor apareceram para o paranaense acompanhar na Fifa Fan Fest o primeiro jogo da Seleção Brasileira na Copa do Mundo diante da Croácia. E os cerca de 15 mil torcedores que compareceram assistiram os 90 minutos com apreensão e, ao final, um sentimento de alívio maior do que o de empolgação.

Três horas antes de a bola rolar, tranquilidade total na Praça Rui Barbosa, um dos dois pontos de acesso do torcedor aos ônibus especiais para Pedreira Paulo Leminski, local da festa. Sem trânsito, em 20 minutos o percurso foi completado. No entorno, policias militares barravam a entrada de quem não estivesse com uma das 15 mil pulseiras distribuídas durante a manhã ou credenciamento.

Pela cidade, o clima era de feriado. O comércio funcionou normalmente durante a manhã, mas com tons de verde e amarelo, seja na decoração ou na roupa de funcionários e clientes que, de forma ainda que tardia, finalmente se entregaram ao espírito da Copa do Mundo. Aos que não participaram a Fan Fest, chegar em casa para acompanhar a Seleção era a prioridade.

Nas rodinhas de conversa, os palpites variavam, mas sem muito otimismo para a estreia. Uma vitória magra do Brasil por 1 a 0 a um empate na estreia ‘para aprender’ e ‘ganhar humildade’ eram os resultados favoritos.

Também teve protesto, como já era esperado. Cerca de 100 manifestantes caminharam pelo centro da cidade reclamando dos gastos públicos com a Arena da Baixada e obras inacabadas na capital paranaense. Tudo, no entanto, transcorreu de forma pacífica. Em pontos isolados, alguns mais exaltados coibidos pela polícia.

Apenas meia hora antes do pontapé inicial a movimentação aumentou, com filas nas catracas, espaços reservados para patrocinadores lotados de pessoas em busca de brindes e a área em frente ao palco cada vez mais cheia. Alguns aguardando pelo jogo, outros o show de Dudu Nobre, a principal atração da noite.

O hino nacional foi o chamariz que faltava para reunir todos em frente aos palcos. Na área de banheiros, no entanto, a polícia tinha trabalho para coibir o uso de entorpecentes. Com a bola rolando o primeiro momento de tensão, com o gol contra de Marcelo que silenciou o curitibano. O gol de Neymar, no entanto, reestabeleceu o clima de festa.

Na segunda etapa, a penalidade marcada sobre Fred voltou a animar o torcedor, que soltou o grito de gol com a cobrança de Neymar. Porém, somente o gol de Oscar, um dos destaques em campo, trouxe a real sensação de vitória. Ao final, o sentimento geral era de alívio. A estreia havia passado.

A Fan Fest em Curitiba será realizada todos os dias até o final da competição, mas apenas em das de jogos do Brasil será liberado o público de 15 mil pessoas. Nas demais partidas apenas 5 mil pulseiras serão distribuídas ao público.

Publicidade

Publicidade


PublicidadePublicidade


Publicidade


Publicidade