Futebol/Torneio de Toulon - ( - Atualizado )

Brasil é campeão em Toulon com 100% de aproveitamento

Toulon (França)

Na tarde deste domingo, às 13h30 (de Brasília),  o Brasil se sagrou campeão do torneio sub-21 de Toulon, na França, após vencer os donos da casa pelo sonoro placar de 5 a 2. Em partida disputada no Estádio Parc des Sports, em Avignon,os meninos da Seleção Brasileira demonstraram segurança e calma para construir o resultado, mesmo estando atrás do placar por duas vezes.

Essa é a oitava conquista do Brasil em Toulon, a segunda consecutiva. Ano passado, o Brasil também foi campeão do torneio vencendo a Colômbia na final. Com cinco vitórias em cinco jogos, o Brasil coroa uma grande campanha com o título em cima da maior campeã do torneio, que ainda é a seleção da França, com 11 títulos conquistados.

O jogo

A decisão começou movimentada. Logo aos seis minutos do primeiro tempo, o árbitro da partida marcou um pênalti duvidoso em favor da França. O atacante Bahebeck converteu a cobrança, com um chute forte no canto direito.

A Seleção Brasileira não demorou a reagir. Os franceses ainda comemoravam a vantagem no placar quando viram o zagueiro Dória acertar um belo lançamento. O atacante Alisson dominou no peito , invadiu a área e tirou o zagueiro antes de chutar para o gol. A bola desviou na zaga e encobriu o goleiro, minando completamente qualquer chance de defesa.

O jogo transcorreu de forma dinâmica, com as duas equipes disputando a posse de bola no meio -campo e tentando organizar jogadas ofensivas. Aos 14 minutos, novamente Bahebeck surgiu para ser decisivo em favor dos franceses. O camisa 7 recebeu um passe da direita e, de primeira, acertou um chute potente à baixa altura, sem chance de defesa para o goleiro brasileiro Marcos.

O Brasil novamente não se abalou por estar atrás do placar e não demorou a buscar o resultado. Aos 30 minutos, Ademílson empatou o jogo em 2 a 2, após cobrança de pênalti. O primeiro tempo terminou com igualdade no placar e o título, até o início do segundo tempo, estava em aberto.

AFP
Brasil joga com determinação e vence a França, conquistado o oitavo título em Toulon (Foto Anne Poujoulat/AFP)

Até o ínicio do segundo tempo... No primeiro lance ofensivo da Seleção Brasileira na etapa final, após cobrança de escanteio, Marquinhos subiu no segundo andar para desempatar a partida. O camisa 3 se colocou por trás zaga francesa e testou com liberdade para o fundo do gol.

Na frente do placar, os jogadores brasileiros começaram a valorizar a posse da bola. Em uma jogada pela esquerda, Lucas Evangelista driblou dois marcadores e sofreu pênalti. Na cobrança, Ademilson bateu com categoria e marcou o segundo gol dele partida e o quarto do Brasil.

Após o gol, Ademilson foi substituído pelo jovem Luan, destaque do Grêmio. Com domínio absoluto do meio-campo e sem deixar o adversário criar, o Brasil controlou a partida a partir da vantagem no placar.

Aos 23 minutos da etapa final o que já era uma vitória consolidada virou goleada. Em uma jogada clássica de centroavante, o camisa 9 Tales arrematou a bola que sobrou no meio da área, anotando o quinto gol da Seleção Brasileira na partida.

Publicidade

Publicidade


PublicidadePublicidade


Publicidade


Publicidade