Futebol/Copa 2014 - ( )

Daniel Alves revela desobediência em pedidos para chutar mais

Tossiro Neto Teresópolis (RJ)

O lateral direito Daniel Alves marcou um dos gols do Brasil na goleada sobre o Panamá, na semana passada, em chute de fora da área. Nesta segunda-feira, o jogador revelou que recebe ordens frequentes do técnico Luiz Felipe Scolari para arriscar de longe, mas nem sempre cumpre a determinação.

“Acho que o equivocado sou eu. Em todo jogo ele fala para eu chutar de fora da área, mas, às vezes, não obedeço. No outro dia, quanto tive a oportunidade e fiz o gol, ele disse que tinha avisado”, comentou.

O jogador explicou que evita chutar de fora da área em alguns momentos porque prefere fazer as assistências aos atacantes. Mesmo assim, Daniel Alves está propenso a finalizar com mais frequência a partir de agora.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Felipão manda Daniel Alves chutar mais de fora da área, mas lateral prefere fazer assistências
“Meu trabalho sempre é pensar nos companheiros. Teoricamente, minha função como lateral é servir aos atacantes, porque fico feliz se eu sirvo, da mesma forma que atacante fica feliz quando faz gol. É assim que entendo. Não é minha obsessão fazer gol. Essa coisa é mais minha do que dele, porque ele pede que eu chute de fora da área. De repente, vou ter que começar a obedecer”, acrescentou.

Perto da abertura da Copa do Mundo, o atleta do Barcelona é titular na equipe de Felipão, mesmo com a sombra de Maicon. O jogo de estreia da Seleção Brasileira no torneio será contra a Croácia, na quinta-feira, na capital paulista.

Publicidade

Publicidade


PublicidadePublicidade


Publicidade


Publicidade