Futebol/Mercado - ( - Atualizado )

Durante punição da Fifa, Luis Suárez poderá atuar no Kosovo

Pristina (Kosovo)

A mordida no zagueiro italiano Chiellini, durante a fase de grupos da Copa do Mundo, rendeu ao atacante uruguaio Luis Suárez uma punição de quatro meses e nove jogos oficiais da Fifa. Neste ínterim, o dianteiro do Liverpool-ING pode ter como destino o Kosovo, território que se declarou independente da Sérvia em 2008. Como não é federado à maior entidade do futebol internacional, o país pode contar com o atacante sem empecilhos.

Sexto colocado (de doze clubes) no último Campeonato Kosovar, o Hajvaila fez uma proposta de empréstimo para Luisito, com um salário de 1.500 euros por semana (cerca de R$ 4.250). Neste contexto, os dirigentes do clube creem no acerto, que representaria a maior contratação na história do futebol do território balcânico.

“Como não somos parte da Fifa ainda, ele pode jogar no Kosovo. Por isso, enviaremos essa proposta ao Liverpool. Pode parecer ridículo para ele, mas é o máximo que podemos oferecer. Caso ele tenha desejo em vir e jogar pelo nosso time, será muito bem recebido”, ressaltou o diretor Xhavit Pacolli ao portal Sport Plus.

A punição para Luisito – Segundo o chefe de comunicação da Fifa, Delia Fischer, passados quatro meses, Suárez poderá disputar amistosos com a seleção do Uruguai e atuar normalmente pelo Liverpool. Todavia, as transferência serão afetadas pelo gancho. Até o momento, os Reds não se pronunciaram a respeito do atacante.

AFP
"Pode parecer ridículo para ele, mas é o máximo que podemos oferecer", disse o diretor Xhavit Pacolli