Futebol/Copa 2014 - ( - Atualizado )

Felipão cancela mais dois treinos antes de duelo com Camarões

Tossiro Neto, enviado especial Teresópolis (RJ)

Duas sessões de trabalho da Seleção Brasileira antes da partida decisiva contra Camarões foram canceladas. Tanto na sexta-feira quanto no sábado, dias em que estavam programados treinos em dois períodos, os jogadores descerão ao gramado da Granja Comary apenas à tarde.

Não é a primeira vez que a comissão técnica de Luiz Felipe Scolari modifica a programação em Teresópolis. A Confederação Brasileira de Futebol explicou que o planejamento é desenhado desde o início em período integral para que o treinador tenha possibilidade de administrar a carga de atividades - acrescentar uma sessão seria mais trabalhoso.

Convocado para a entrevista desta quarta-feira, o goleiro Júlio César saiu em defesa da nova programação. "O jogo contra o México foi fisicamente muito pegado. Uma competição curta exige que os jogadores descansem. O goleiro, menos, porque não corre. Mas sente também. Contra o México, senti mental e psicologicamente, perdi um quilo. Imagine os jogadores de linha. Estava muito quente em Fortaleza. Esse descanso é necessário", opinou.

"O treinamento está sendo muito bom. Estamos falando de uma comissão técnica que já participou de diversas Copas do Mundo e tem experiência de sobra para passar o melhor para a gente. Eles sabem o que fazem, e nós, jogadores, estamos muito satisfeitos com a carga de treinos que estamos tendo", completou o camisa 12, que disputa seu terceiro Mundial. No primeiro deles, foi convocado por Carlos Alberto Parreira, atual coordenador técnico da equipe nacional.

O cancelamento das atividades, no entanto, parece contraditório para um time que busca melhor futebol. Mas a conversa também ajuda, na opinião de Júlio César. "É conversar bastante, chegar ao treino e botar em prática aquilo que a gente conversa. Quando a gente fala de melhora, é de quando pegar um time defensivamente bem postado, conseguir jogar sem bola para criar espaços, para tentar furar o bloqueio. Esse é o tipo de melhora que a gente tenta obter, com muita conversa, muito vídeo e, principalmente, dentro de campo".

Na próxima segunda-feira, em Brasília, o time treinado por Felipão enfrenta Camarões precisando de um empate para se classificar para as oitavas de final. Dependendo do resultado do jogo entre Croácia e México, no entanto, até mesmo uma derrota para os africanos pode garantir vaga na próxima fase.