Futebol/Copa do Mundo - ( - Atualizado )

Felipão critica posicionamento defensivo do time: ‘Muita liberdade’

Teresópolis (RJ)

Logo após o treino da Seleção Brasileira da manhã deste domingo, o técnico Luiz Felipe Scolari não escondeu sua insatisfação. Para ele, a equipe tem mostrado muita displicência defensiva, oferecendo espaço para contra-ataques. No entanto, o comandante reconheceu que ainda não é o momento de cobranças mais fortes.

“Não gostei nada do treinamento. Estava tudo errado. Muita liberdade, muita condição de contra-ataque, uma série de detalhes que não são o normal de nossa Seleção. Ontem ainda foi passado um vídeo sobre como devemos nos comportar. Naturalmente, eu entendo que ainda não é o momento da cobrança total sobre os jogadores porque estão muito dirigidos na parte física, mas o posicionamento tem que ser correto sempre, independente de quem jogar”, disse em entrevista à TV Globo.

Felipão citou como exemplo uma jogada rápida de contra-ataque que tem treinado com os jogadores. O lance, no entanto, foi realizado com sucesso pelos atletas reservas no coletivo, o que desagradou o treinador da Seleção Brasileira.

“Vamos receber os adversários na nossa área. Eles vão estar expostos no três contra dois e muitas vezes algumas equipes deixam uma marcação individual, e se nosso goleiro tem uma reposição rápida, aproveitando uma mudança veloz de posicionamento entre dois jogadores se pode chegar lá na frente. Tanto que no final do treinamento, quem fez isso foi o time reserva. Eu não gosto desse tipo de coisa. Se eu estou treinando os titulares e peço para fazer algo, eles tem que saber que pode acontecer dessa forma com eles também”, explicou.

AFP
O técnico Luiz Felipe Scolari não gostou do posicionamento de seus jogadores no treino da Seleção Brasileira

O comandante também não garantiu a utilização de Hernanes no lugar de Paulinho, que será poupado do amistoso contra Panamá na terça-feira, em Goiânia, devido a uma pancada que sofreu no treino de sábado. Felipão, no entanto, admitiu que o atleta da Internazionale é o que tem maiores chances de ser aproveitado no duelo no Serra Dourada.

“(Hernanes) é um ótimo nome para o meio, o Paulinho não vai viajar por causa do episódio de ontem. É uma das primeiras opções, tem Ramires, Henrique, mas eu tenho que testar no treinamento. Fizemos o teste e agora vamos analisar nitidamente se sairemos dessa forma ou com outro jogador na posição”, avaliou.

Publicidade

Publicidade


PublicidadePublicidade


Publicidade


Publicidade