Futebol/Copa do Mundo - ( - Atualizado )

Fifa decide não punir Sakho por cotovelada em equatoriano

Ribeirão Preto (SP)

O comitê Disciplinar da Fifa decidiu pela não punição do zagueiro francês Mamadou Sakho. O beque iria ser julgado pela entidade máxima do futebol após ter agredido o equatoriano Enner Valencia com uma cotovelada. Na própria partida, o jogador dos Bleus não recebeu nenhuma advertência do árbitro.

Logo no início do duelo entre Equador e França, aos oito minutos do primeiro tempo, Sakho agrediu o companheiro de profissão. No momento, o técnico do Equador, Reinaldo Rueda, questionou o motivo pelo qual o juiz não fez nada em relação à cotovelada. O treinador pediu a expulsão do zagueiro.

O caso ficou para a Fifa julgar e, após uma análise do vídeo do confronto válido pela última rodada da fase de grupos da Copa do Mundo, a cotovelada foi considerada um lance normal de jogo. Assim, o jogador não será punido e, apesar de estar sentindo uma lesão na coxa, segue como opção para o técnico Didier Deschamps.

AFP
No duelo contra o Equador Sakho deu uma cotovelada no equatoriano Enner Valencia