Futebol/Copa 2014 - ( - Atualizado )

Fifa esclarece exame antidoping em sete jogadores da Costa Rica

Recife (PE)

A Fifa esclareceu que o episódio após a partida de sexta-feira entre Costa Rica e Itália, na qual foram chamados sete costarriquenhos para fazer o exame antidoping, é um controle rotineiro pré-competição. Os jogadores da seleção centro-americana Bryan Ruiz, Michael Barrantes, Keylor Navas, Celso Borges, Christian Bolaños, Marco Ureña e Diego Calvo foram convocados para fazer a prova após a vitória histórica sobre os italianos por 1 a 0.

Segundo a Fifa, dois costarriquenhos foram chamados para fazer o exame normal pós-jogo e os outros cinco fizeram controle prévios que ainda não haviam sido feitos.

O esclarecimento foi necessário pois a medida não foi recebida com bons olhos no país centro-americano. A imprensa da Costa Rica chegou a publicar que a Fifa duvidava da seleção nacional. Alguns jogadores costarriquenhos também criticaram o órgão que rege o futebol mundial.

AFP
O meia Celso Borges foi um dos chamados a fazer o polêmico exame antidoping (Foto:EMMANUEL DUNAND)