Futebol/Campeonato Brasileiro - ( )

Figueirense vai passar pelo menos 45 dias na lanterna

Florianopolis (SC)

Na última rodada antes da parada para a Copa do Mundo, o Figueirense recebeu o Atlético-PR no Estádio Orlando Scarpelli. Com a derrota por 3 a 1, a equipe catarinense vai passar pelo menos 45 dias na lanterna do Campeonato Brasileiro, até o dia 16 de julho, quando tem chance de pontuar contra o Coritiba, no Estádio Couto Pereira. A equipe só volta a jogar em casa no dia 20 de julho, contra o Grêmio. O técnico Guto Pereira falou sobre a complicada situação do clube na Série A.

“Ninguém gosta de estar na lanterna, mas eu cheguei nesse lugar. Em duas situações beliscamos o 19º lugar e voltamos, mas é pouco. Mas eu acredito no que a gente vem fazendo. As melhoras são poucas, mas agora temos tempo para o que o dia a dia nos impede de fazer e para a diretoria agir onde precisa fortalecer esse grupo e na retomada vir mais forte buscar espaços que a gente tem buscado e não temos conseguido”, analisou o comandante.

Divulgação
Após derrota para o Atlético-PR, Figueira passa o recesso para a Copa na lanterna (Foto: Luiz Henrique/Figueirense)

Para ele, o recesso servirá para a equipe se reorganizar, desenvolver o trabalho e buscar novas peças. “Quanto aos reforços, espero o máximo que puder chegar. Quando se fala de mercado, não dá para saber se chegarão todos, mas precisamos de nomes e outros na intertemporada, que cheguem o mais rápido possível”, afirmou o treinador.

Guto assumiu o Figueirense na terceira rodada do Brasileirão, e a equipe já figurava na zona de rebaixamento. Depois de sete rodadas, o time segue no sufoco e tem apenas uma vitória na competição, somando quatro pontos.

Publicidade

Publicidade


PublicidadePublicidade


Publicidade


Publicidade