Futebol/Mercado - ( - Atualizado )

Fluminense anuncia a contratação de Henrique, ex-Bordeaux-FRA

Gazeta Press Rio de Janeiro (RJ)

A diretoria do Fluminense anunciou de forma oficial, nesta quarta-feira, a contratação do zagueiro Henrique, de 31 anos, que vinha defendendo a camisa do Bordeaux, da França. O jogador já estava acertado com o clube há mais de um mês, mas, por uma questão contratual com o clube francês, não podia ser confirmado como atleta do Tricolor carioca. Além disso, os exames médicos realizados por ele só tiveram seus resultados revelados esta manhã, o que também atrasou o anúncio pelo Fluminense.

Henrique foi revelado nas categorias de base do Flamengo, onde jogou até 2005. Integrou o time campeão carioca em 2004, mas também que fracassou no Maracanã na histórica final da Copa do Brasil contra o Santo André. Apesar disso, suas boas atuações com a camisa flamenguista despertaram o interesse dos dirigentes do Bordeaux, que levaram o jogador para a França em 2005.

Foi pelo clube francês que Henrique viveu os melhores momentos de sua carreira, defendendo aquela camisa por nove anos. O auge foi na temporada 2008/2009, quando conquistou o título do Campeonato Francês. Pelo Bordeaux ganhou ainda a Copa da França em 2013, a Supercopa da França em 2008 e 2009 e a Copa da Liga Francesa em 2007 e 2009.

No primeiro semestre deste ano Henrique anunciou o desejo de retornar ao futebol brasileiro, porém o Flamengo, seu clube de origem, ignorou a vontade do jogador, que passou a ser procurado pelo Fluminense. O acerto aconteceu de maneira rápida. Henrique, porém, só deverá ser apresentado depois do dia 23 de junho, quando o elenco se reapresenta e inicia a preparação para a sequência do Campeonato Brasileiro e da Copa do Brasil.

AFP
Henrique divide bola com Alex: jogador foi revelado pelo Flamengo e manifestou desejo em voltar ao Brasil

Mais nomes podem chegar - Após contratar Henrique e o meia Cícero, a diretoria do Fluminense tenta acertar com o atacante Wellington Nem, revelado nas categorias de base do clube e que está defendendo o Shakhtar Donetsk, da Ucrânia. Mas com a crise que assola o país do Leste Europeu, que vive um delicado momento político, a transação se encontra estagnada, já que os dirigentes ucranianos sequer responderam a proposta feita pelo Tricolor, que deseja receber o jogador por empréstimo, sem custos, até 31 de dezembro, se responsabilizando apenas por arcar com os salários. Wellington Nem vem mantendo contato com os dirigentes tricolores, pois já manifestou o desejo de voltar ao Brasil.

Caso realmente acerte com Wellington Nem, o clube deverá encerrar as contratações para esta temporada, até porque o momento financeiro não é dos melhores e até mesmo a Unimed, principal patrocinadora, está dando um freio nos investimentos. O elenco, que conseguiu manter o time no G-4, a zona de classificação para a Copa Libertadores, a maior parte do tempo nestas primeiras nove rodadas do Campeonato Brasileiro, é considerado capaz de lutar pela conquista do título nacional e da Copa do Brasil.

O Fluminense estuda ainda a possibilidade de reduzir o plantel. O atacante Marcos Júnior está negociando para defender o Vitória no restante do Campeonato Brasileiro, enquanto que o atacante argentino Martinuccio, que retornou de empréstimo do Cruzeiro, está sendo negociado com o Coritiba, já que seu salário é visto como alto pela diretoria.

Divulgação/Fluminense F. C.
Com o clima hostil vivido em solo ucraniano, o veloz Wellington Nem poderá voltar a defender o Fluminense

Publicidade

Publicidade


PublicidadePublicidade


Publicidade


Publicidade