Futebol/Copa do Mundo - ( - Atualizado )

Horas antes de ‘decisão’, Gana expulsa Boateng e Muntari da Copa

Brasília (DF)

Em comunicado oficial, a Associação Ganesa de Futebol (GFA) anunciou o corte do meia Kevin-Prince Boateng e do volante Sulley Muntari por motivos de indisciplina. A decisão foi tomada horas antes do duelo entre Gana e Portugal, que acontece às 13h (de Brasília) desta quinta-feira, no Mané Garrincha.

A punição a Muntari, atleta do Milan, foi tomada após o volante agredir fisicamente um membro do Comitê Executivo da GFA, e um membro da comissão técnica da seleção ganesa, ainda na terça-feira, durante uma reunião.

Já a sanção a Boateng se deu por agressões verbais ao técnico do time, Kwesi Appiah, durante treinamentos em Maceió. Sem se arrepender ou se desculpar pelos xingamentos, a diretoria e a comissão técnica optaram pelo corte.

A dupla ainda está suspensa da seleção ganesa por tempo indeterminado, e não enfrenta Portugal no jogo que pode definir a eliminação da equipe na Copa do Mundo de 2014. Na terça-feira, a equipe havia boicotado os treinos pelo atraso no pagamento de direitos de imagens, exigidos em espécie pelos atletas.

AFP
Assim como Muntari, Boateng (esq.) foi expulso da delegação seleção ganesa por indisciplina

Para passar de fase, Gana precisa vencer Portugal e torcer para que o duelo entre Alemanha e Estados Unidos não termine empatado, eventualmente precisando descontar diferenças no saldo de gols. Suspenso pelo segundo cartão amarelo, Muntari não poderia jogar mesmo que não tivesse sido expulso da delegação.