Futebol - ( - Atualizado )

Hulk culpa "carga pesada de treinos" por atuação apagada da Seleção

São Paulo (SP)

Apesar da atuação abaixo do esperado na tarde desta sexta-feira, a Seleção Brasileira conseguiu vencer a Sérvia por 1 a 0. Um dos atletas que mais buscaram o jogo, Hulk brigou bastante com a defesa adversária, mas pouco produziu. Ele pondera sobre o desempenho da equipe e usa os treinamentos para explicar os problemas da equipe canarinho.

“É normal (ter dificuldades). A gente está numa carga de treinos pesada, treinando bem e aproveitando ao máximo os treinamentos. Quando chega no jogo acontece alguns erros”, explica o atacante brasileiro em entrevista ao canal Sportv. Hulk ainda espera melhor entrosamento na próxima semana. “Vamos tentar acertar até o dia 12, para chegar bem no primeiro jogo”, planeja.

Apesar dos problemas encontrados pela Seleção Brasileira na armação, Hulk teve ótima chance aos 28 minutos do segundo tempo. O atacante apareceu livre de marcação às costas da zaga, e bateu por cima do goleiro Stojkovic para ampliar o marcador, mas a arbitragem errou ao anular o lance alegando impedimento. O jogador lamenta a falha do bandeirinha, mas aposta que voltará a balançar as redes em um futuro próximo.

“Infelizmente o árbitro não validou o gol, mas se Deus quiser na Copa vai sair”, acredita o camisa 7. A primeira oportunidade para este gol sair é nesta quinta-feira, quando a Seleção Brasileira estreia na Copa do Mundo diante da Croácia, na Arena Corinthians. A partida tem início às 17 horas (de Brasília) e vale pela primeira fase. O Brasil ainda encara México e Camarões no grupo A.

Djalma Vassão/Gazeta Press
Hulk (centro) se movimentou bastante, mas produziu pouco no ataque da Seleção Brasileira nesta sexta

Publicidade

Publicidade


PublicidadePublicidade


Publicidade


Publicidade