Futebol/Campeonato Brasileiro Série A - ( )

Interino entrega Palmeiras a Gareca com “margem para crescer” no ano

São Paulo (SP)

Depois de assumir o comando do Palmeiras com a equipe atravessando um mau momento – série negativa no Brasileiro, ameaça de eliminação na Copa do Brasil e perda de Alan Kardec -, Alberto Valentim conseguiu colocar ordem na casa, emplacou uma sequência de três vitórias e recuperou a confiança do elenco alviverde. Desta forma, nem mesmo as duas derrotas e o empate no final dos seis jogos de trabalho trouxeram algum tipo de desconfiança sobre o interino.

Agora, Valentim entrega o cargo a Ricardo Gareca. Já apresentado oficialmente pelo Palmeiras, o treinador argentino preferiu assumir o comando da equipe apenas após a Copa do Mundo, pois assim aproveitaria o tempo de parada para conhecer melhor o grupo que tem as mãos. De acordo com a análise do interino, o time do Palestra Itália tem potencial para crescer com seu novo comandante.

“Nós conversamos, muito principalmente depois da primeira vez que ele viu o time. Ele gostou muito da aplicação e da entrega do time. E eu já tinha falado para os jogadores que precisávamos melhorar o nosso jogo, na posse, porque na parte defensiva nós demos um salto muito grande. Vamos fazer isso também com a posse de bola e com a qualidade do nosso jogo”, analisou Valentim, que ainda completou.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Gareca receberá um elenco animado, com esperanças de fazer uma temporada honrosa no centenário
“Mesmo quando vencemos, temos de melhorar em todos os aspectos. Nós temos margem para melhorar ainda na parte defensiva, na posse de bola, na criação de jogadas de gol. Depois do descanso, vamos voltar a treinar forte a parte física para ela ser retomada. A equipe ainda tende a crescer na parte técnica e tática com o Ricardo (Gareca)”, projetou o treinador interino.

Neste domingo, por exemplo, no empate com o Grêmio, o Palmeiras jogou sem seis jogadores, que podem ser utilizados por Gareca na equipe titular: Valdivia, Eguren, Medieta, Fernando Prass, Wesley e Leandro. O argentino ainda pode ganhar o reforço de dois compatriotas, Fernando Tobio e Lucas Pratto, o que pode mudar o cenário alviverde para o restante da temporada.

De acordo com o planejamento elaborado pela comissão técnica, o elenco alviverde ganha folga a partir desta segunda-feira até o dia 12. No dia seguinte, os jogadores se reapresentam na Academia para aprimorar a parte física. Após o trabalho em São Paulo, já sob o comando de Ricardo Gareca, o grupo viaja a Atibaia, permanecendo no interior paulista de 23 de junho a 2 de julho.

Publicidade

Publicidade


PublicidadePublicidade


Publicidade


Publicidade