Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Investigação confirma fraude fiscal na transação de Neymar ao Barcelona

Barcelona (Espanha)

Segundo o diário Marca noticiou nesta terça-feira, a Fazenda espanhola finalizou as investigações referentes à transferência de Neymar ao Barcelona. E o desfecho não é nada favorável ao clube catalão, que é considerado culpado por fraude fiscal na compra do atacante em junho do último ano.

Mas a conclusão não põe fim às especulações em torno da polêmica transação. O juiz responsável pelo caso, Pablo Ruiz, vai analisar os documentos e só decidirá a sentença após estuda-los com a Agência Tributária. O Barcelona deve ser representado na audiência e o ex-presidente do clube Sandro Rosell, principal suspeito do delito, também estará presente.

Neymar vestiu a camisa do Barcelona pela primeira vez há quase um ano, após ajudar a Seleção Brasileira a conquistar a Copa das Confederações. O clube blaugranaà época os valores não foram divulgados, mas foi revelado posteriormente que o atacante custou 57 milhões de euros (cerca de R$ 180 milhões).

Mas em janeiro de 2014 um sócio do Barcelona denunciou que a transação custou muito mais: cerca de R$ 284,5 milhões. Assim, a Justiça espanhola deu início a investigações e acusou o clube a ter sonegado R$ 28 milhões na transação. O escândalo resultou na renúncia do então presidente Sandro Rosell.

AFP
Polêmica negociação do atacante brasileiro para o Barça virou alvo de críticas da imprensa espanhola

Publicidade

Publicidade


PublicidadePublicidade


Publicidade


Publicidade