Futebol/Copa do Mundo 2014 - ( - Atualizado )

Maradona diz que foi impedido de ver jogo da Argentina no Maracanã

Rio de Janeiro (RJ)

Presente no Rio de Janeiro para a acompanhar a estreia da Argentina na Copa do Mundo, Maradona afirmou que foi barrado pela Fifa na entrada do Maracanã no último domingo, quando os argentinos venceram a Bósnia por 2 a 1. Segundo El Pibe, ele e seu filho Diego Fernando tiveram de retornar ao hotel para assistir à partida.

“Apresentamos as credenciais e não nos deixaram entrar. Uma coisa é não poder, e outra é não deixarem. Quando agem com boa fé, deixam você entrar. Quando há má fé, te mandam esquecer e voltar ao hotel, como fizeram com a gente”, afirmou Maradona em entrevista ao canal argentino TyC Sports.

O ex-camisa 10 da Argentina apresentou sua credencial de imprensa por fazer parte do programa “De Zurda”, produzido pela emissora venezuelana Telesur e transmitido na Argentina por um canal público. Maradona comenta as partidas da Copa narradas pelo locutor uruguaio Víctor Hugo.

AFP
Diego Maradona foi o técnico da seleção argentina na última Copa do Mundo, na África do Sul
Maradona descrente em relação ao título

Ao comentar as possibilidades de título da seleção argentina, Maradona se mostrou cético. Para o ex-jogador, a equipe comandada por Alejandro Sabella não está no mesmo patamar de Brasil, Alemanha e Holanda, apontados como favoritos por ele.

“Os jogadores surgem na Argentina, mas crescem no futebol europeu. Então, creio que ainda vai levar muito tempo para vermos a Argentina campeã novamente. A Argentina, pelo que demonstrou, não será campeã do mundo este ano”, disse Maradona, que eximiu Messi de parte da responsabilidade por uma boa campanha.

“Tomara que Messi nos ajude a chegar longe. Mas não podemos exigir que ele faça tudo, finalizações, faltas, escanteios, que ganhe sozinho contra o adversário”, completou.