Futebol/ Copa do Mundo 2014 - ( - Atualizado )

Meia acredita em triunfo sobre Nigéria e Irã para Bósnia classificar

Guarujá (SP)

Se não fosse pela Argentina estar em seu grupo, a Bósnia- Herzegovina teria mais chances ainda de se classificar às oitavas de final da Copa do Mundo. Isso, porque os outros integrantes do Grupo F, Nigéria e Irã, são seleções que possuem jogadores de níveis parecidos ou inferiores aos dos atletas bósnios. Assim, o meia Izet Hajrovic vê como essencial vencer os outros dois adversários para seguir adiante no Mundial.

“Minha expectativa é a melhor possível. Queremos estar bem. Se compararmos com os outros adversários, a Argentina deve ser o jogo mais difícil. Ainda vamos pegar o Irã e a Nigéria, que são times fortes, mas acredito que possamos ganhar dos dois e conseguir a classificação”, explicou o meia do Galatasaray, da Turquia.

Reprodução/Facebook
Izet Hajrovic quer garantir vaga nas oitavas vencendo Nigéria e Irã

Os resultados nos últimos amistosos antes do Mundial também fazem da Bósnia a segunda favorita do grupo da Albiceleste. A seleção liderada pelo atacante Edin Dzeko, do Manchester City, derrotou a Costa do Marfim, por 2 a 1, o México, por 1 a 0, e o time sub-20 do Santos, por 5 a 1.

Hajrovic foi titular, até aqui, em todos os treinamentos que a Bósnia fez em Guarujá, mas despistou ao ser questionado por um repórter de seu país sobre o esquema tático do técnico Safet Suši?: “Temos que ter atenção redobrada no jogo contra a Argentina. Agora, você quer saber sobre o esquema tático? Sugiro que você pergunte para o técnico. Ele é a melhor pessoa para te falar sobre como vamos jogar contra a Argentina”.

Bósnia e Argentina se enfrentam no próximo domingo, às 19 horas, no Maracanã, no Rio de Janeiro, pela primeira rodada do Grupo F na Copa do Mundo.

Publicidade

Publicidade


PublicidadePublicidade


Publicidade


Publicidade